HTC continua a sangrar bastante com a produção de smartphones Android

Rui Bacelar
HTC smartphones android
Sinais de esperança para a marca? Não, pelo menos não em outubro

A HTC ou High Tech Computer Corporation, acabou de divulgar o seu novo relatório fiscal referente ao mês de outubro e se ainda há pouco tempo ficamos a conhecer os seus novos smartphones Android U11+, um belíssimo topo de gama e até mesmo o U11 Life, um cativante dispositivo de gama média lançado ao abrigo do programa Android One.

Vê ainda: 20 Apps agora gratuitas na Google Play Store para o teu Android

Contudo, o panorama fiscal da HTC está negro, ou no vermelho se assim preferirem. A marca asiática fundada em 1997 teve um outubro negro no que diz respeito às receitas obtidas durante esse mês.

Smartphones Android continuam a afundar as contas da HTC

As receitas foram de 200 milhões de dólares mas representam uma queda de 6.8% face ao valor alcançado em setembro (215 milhões de dólares) e uma enorme queda de 25,8% face ao valor registado em outubro de 2016.

Em seguida podemos observar o quadro com os vários valores mensais de receitas e sua respectiva flutuação / variação mensal (MoM) e anual (YoY).

HTC smartphones Android
Fonte: relatório oficial da HTC

Esta queda anual de 25.8% é de facto preocupante e representa uma tendência e já desde junho de 2016 que esta empresa não regista um aumento das receitas. Até que ponto é que a produção de smartphones Android continua a ser rentável, ou pelo menos sustentável?

Pior ainda, o total de receitas obtidas com a venda de dispositivos móveis desde o início de 2017 fica 18.2% abaixo do total obtido no período entre janeiro e outubro de 2016. Resta saber se os seus novos dispositivos U11+ e U11 Life poderão ajudar a quebrar esta tendência.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Samsung Galaxy S9 não terá sensor biométrico embutido no ecrã

Xiaomi Mi Mix 2S terá uma “monocelha” como o Apple iPhone X

OnePlus 5T – a primeira imagem do novo smartphone Android da OnePlus

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.