HTC One M9 aquece como nunca antes em novo teste de resistência

Rui Bacelar

HTC One M9O HTC One M9 é o novo topo de gama da marca e foi anunciado na MWC Barcelona que se realizou no início do mês Março. Equipado com uma câmara de 20MP na sua traseira, um sensor da Toshiba, a expectativa em relação ao seu potencial fotográfico era enorme, sobretudo após o fiasco da UltraPixel que flagelou o topo de gama de 2014. No entanto, os resultados iniciais foram inconstantes e no geral pouco satisfatórios, tal como o número de vendas deste equipamento.

O HTC One M9 é dos smartphones mais atraente de 2015, com uma construção unibloco integralmente em metal, um acabamento com duas tonalidades, menos escorregadio e mais ergonómico, é um dos pesos pesados do mercado Android e, pelos menos para mim, no Top 3 dos smartphones com melhor qualidade de construção, apesar de falhar sobretudo na falta de inovações face ao seu antecessor.

Temos aqui mais um teste de resistência que começa com o típico drop-test ou teste de queda, aqui o HTC One M9 sofre bastante ao cair com a sua parte inferior e mesmo assim os danos consistiram principalmente em riscos na superfície e pouco mais. Já a queda com o ecrã voltado para baixo acabou por quebrar o vidro, apesar da tela continuar a funcionar e registar o toque.

Por último temos o teste de calor que literalmente tostou o HTC One M9 com temperaturas de 700ºC. Desta vez o calor não teve origem no processador Snapdragon 810 no seu interior mas sim de uma poderosa fonte de calor, vulgo maçarico e diga-se de passagem, o equipamento até aguentou muito tempo até que finalmente o calor danificou os seus circuitos.

Teste de resistência do HTC One M9

O HTC One M9 é, muito provavelmente, o smartphone que se está a sair pior em termos de vendas tendo a marca até cancelado algumas encomendas de componentes uma vez que a procura simplesmente não justifica uma elevada oferta.

Talvez queiras ver:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.