HTC Ocean Note deverá ficar conhecido por HTC U Ultra

Carlos Oliveira

A meados do ano passado, a HTC deu-nos a conhecer um novo conceito de smartphone onde os botões físicos serão coisa do passado. Estes HTC Ocean deverão funcionar muito à base de deslizes, mesmo na suas laterais onde, por exemplo, o aumentar/diminuir o volume do teu smartphone poderá ser feito com um simples deslize numa das laterais do equipamento.

Vê também: Xiaomi chega à CES pela primeira vez e com um novo gadget a caminho!

Esta é uma filosofia bastante interessante e que poderá vigorar nos futuros topos de gama da marca Taiwanesa. Não sabemos se o futuro HTC 11 será desenvolvido com base nesta nova tecnologia, mas o certo é que o primeiro desta família chegará já este mês.

Até agora conhecido como HTC Ocean Note, afinal este novo smartphone deverá ficar conhecido no mercado como HTC U Ultra. Esta designação dá então algum sentido ao teaser divulgado há umas semanas, a dar-nos conta de que no próximo dia 12 de janeiro veremos um novo equipamento da marca ser apresentado, no qual o "U" tinha grande destaque.

Assim sendo, este novo HTC U Ultra deverá possuir um ecrã de 6 polegadas, um ecrã de grandes dimensões e que fará assim jus à sua designação.

Quem nos dá esta informação é o OnLeaks, uma fonte que se tem verificado variadas vezes correta por estas andanças. A mesma fonte diz-nos também que este HTC U Ultra virá sem o jack audio de 3.5mm, algo que já vinha a ser anteriormente falado.

Outros pontos que deverão caracterizar este novo HTC U Ultra será o seu ecrã curvo, uma nova câmara que se quer afirmar como a melhor do mercado, entre outras novidades que ainda não são conhecidas. Em todo o caso, o equipamento será apresentado já na próxima semana, pondo então um ponto final em toda a especulação.

Talvez queiras ver:

Novos Samsung Galaxy A (2017) já têm preços e disponibilidades revelados

ASUS ZenFone AR com Snapdragon 821 foi “apresentado” pela Qualcomm

Honor vai apresentar algo “Épico” amanhã na CES 2017

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.