Nokia 3 (2018) HMD Global
Um dos smartphones mais económicos da marca deve ganhar nova versão este ano.

A HMD Global tem mostrado uma tendência de lançar variantes dos anteriores smartphones em 2018. Assim foi com o Nokia 6, Nokia 7 e Nokia 8. Segundo os últimos dados, o mesmo deve estar para acontecer com o Nokia 3.

O Nokia 3 foi o primeiro smartphone de game de entrada na nova vida da Nokia. O terminal chegou ao mercado há um ano a um preço condizente sob a chancela da HMD Global. O terminal tinha o processador Mediatek MT6737 com dois 2GB de RAM e 16GB de armazenamento expansível.

Vê ainda: Xiaomi Mi 7 mostra-nos o seu sistema de reconhecimento facial 3D

Pelo que apontam os últimos dados, a HMD Global pretende lançar uma versão atualizada do seu gama de entrada. Quanto ao nome, deve andar entre Nokia 3.1 ou Nokia 3 (2018). O nome do ainda não anuncado smartphone foi agora descoberto, mas ainda não se sabe mais sobre ele.

A informação foi revelada pelo analista Roland Quandt no Twitter há algumas horas. E no que toca a lançamentos, este não deve ser o único a ter uma versão melhorada ainda este ano.

Nokia 3 (2018) chegará ao mercado mais para o final do ano

Ainda não há muito tempo foi o CMO da HMD Global a confirmar o Nokia 5 (2018). Pekka Rentala confirmou que a versão 5.1 do anterior smartphone está a ser trabalhada e deve ser a lançada este ano.

 

A empresa adota assim uma estratégia de manter boa parte dos nomes dos seus smartphones inalterados, fazendo-lhe apenas o upgrade anual. Assim os consumidores olharão sempre para um nome familiar, mas atualizado em termos de especificações.

Outros assuntos relevantes:

4 fotos que nos mostram o potencial fotográfico do OnePlus 6

iPhone – Apple venderá 220 milhões de dispositivos iOS até ao fim de 2019

Android. Lenovo reforça o ecrã praticamente ”infinito” e sem notch

ViaPhoneArena
FonteRoland Quandt (Twitter)
Bebe das canções de Manel Cruz, das idiossincrasias de Bruno Aleixo e dos planos de Quentin Tarantino. A escrita está-lhe no sangue, e o amor à tecnologia é uma boa desculpa para o mostrar a quem queira ler.