Google prepara uma das melhores medidas de privacidade para o Android

Carlos Oliveira
Comentar

Após a Apple ter lançado para o mercado a sua AirTag, os dispositivos de localização ganharam maior relevância no mercado. Com isso surgiram também novos receios sobre uma monitorização indesejada e formas de o combater.

Esse é o mote para a próxima grande novidade que a Google irá adicionar aos smartphones com sistema operativo Android. Em breve, estes poderão reconhecer automaticamente dispositivos de localização semelhantes a uma AirTag.

Google prepara deteção automática de dispositivos de localização alheios

A novidade foi detetada pela publicação 9to5 Google após a análise da APK dos Play Services. Aí, detetaram a presença de linhas de código como "Alertas de dispositivos desconhecidos" ou "Notificação de deteção de tag desconhecida".

Android Smart Tag

Estas funções chegam acompanhas de referências a "Tile tag", "Finder tag" e "ATag". A primeira e última são uma clara referência aos dispositivos de localização da Tile e da Apple, ao passo que o Finder tag cria um novo mistério para resolver.

O facto de estas referências terem sido descobertas nos Play Services indica que a Google está a desenvolver a sua implementação no núcleo duro do Android. Ou seja, será uma funcionalidade ao nível do sistema e será parte de todos os smartphones com esse software.

Com efeito, a monitorização de dispositivos de localização alheios próximo de um smartphone passará a ser realizado de forma automática. Caso seja detetada uma presença estranha, o utilizador será prontamente notificado da sua existência.

Este método representa a dispensa de instalação de soluções independentes com o mesmo objetivo. Algo que é necessário realizar atualmente no universo de dispositivos Android.

Atualmente, apenas a Apple disponibiliza uma solução de monitorização embutida no seu sistema operativo. No universo Android, o utilizador está obrigado a instalar uma aplicação própria para esse rastreamento, além de o ter de realizar de forma manual.

Com o evento Google I/O de 2022 a acontecer em maio próximo, esse poderá ser o palco da oficialização desta funcionalidade. Será, com toda a certeza, uma das melhores adições à próxima versão do Android, caso isso se confirme.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.