Google Pixel 2
O smartphone da Google

O Google Pixel é sem margem para dúvida o melhor smartphone que já alguma vez testei, aliás, mesmo com o meu terminal literalmente destruído, continua a ser o meu telefone primário.

A junção de hardware e software fez com que me apaixona-se de imediato pelo smartphone. Depois de anos a utilizar o equipamento da Apple como “Daily Driver“, só o Google Pixel foi capaz de me afastar da maçã trincada.

Vê ainda: Xiaomi Mi 5 Pro explode, mas a Xiaomi não se responsabiliza…

   

Embora a Google não tenha revelado quantos Google Pixel foram vendidos, podemos adivinhar que o dispositivo não teve tanto sucesso quanto o esperado.

“Google Pixel: Bem mais do que apenas um Android”

Temos de ter em conta que o smartphone foi apenas vendido de forma oficial no Reino Unido e nos Estados Unidos da América e mesmo assim teve alguns problemas de stock aquando o lançamento na América.

Mas como sabemos quantos Google Pixel foram vendidos se não há dados oficiais?

O Google Pixel oferece o Pixel Laucher instalado de origem. O Pixel Launcher era uma aplicação gratuita na Play Store até que a Google decidiu deixar de ser possível a sua instalação no smartphones Android.

Quando o Google Pixel foi lançado no ano passado, o Pixel Launcher contava com 500.000-1.000.000 de downloads efetuados e hoje poderás ver que conta com 1M a 5Milhões.

Isto significa que o terminal da Google não vendeu mais de 5 Milhões de unidades no mundo. Para termos um pouco de comparação, o Samsung Galaxy S8 e S8+ vendeu mais de 5 Milhões de unidades nos primeiros 26 dias após o lançamento.

O Google Pixel 2 chegará no final deste ano e acredita-se que a empresa americana possa olhar para a nova moda de ecrãs sem extremidades. O terminal da Google pode até ser um fantástico smartphone, contudo, no design deixa a desejar.

Outros assuntos relevantes:

Motorola voltou em força e já marcou novo evento!

Samsung Galaxy J7 Pro e J7 Max anunciados oficialmente

Como visualizar facilmente sites bloqueados em Portugal

ViaPhoneArena
FonteArstechnica
Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.