Google Pixel C Tablet Android
Já não te lembravas deste tablet? Estás perfeitamente perdoado! @Cnet

Se já nem sequer te lembravas deste tablet Android então estás perfeitamente perdoado. Já nem eu sabia o que era feito do Google Pixel C, um dispositivo que chegou ao mercado em 2015. Este à venda durante cerca de 2 anos para servir de suporte ao mais recente software da Google. Infelizmente o sistema operativo Android nunca foi propriamente bom para Tablets. Digamos que não tirava todo o proveito do grande ecrã / tela.

Este Google Pixel C foi lançado quando a empresa estava a dar os primeiros passos no departamento de hardware, de dispositivos físicos. Encarem este tablet como sendo uma experiência. Um sondar de mercado e da indústria. Contudo, já há dois anos atrás o mercado dos tablets estava em contração. Algo que certamente não terá animado as suas vendas.

Vê ainda: acabamento em “Sandstone ” de volta para o OnePlus 5T?

Em si o Google Pixel C servia para provar que o sistema operativo Android podia ser utilizado confortavelmente naquele processador. E que todo o sistema Android para tablets podia ser…revitalizado. A primeira parte correu como prometido. A segunda falhou redondamente. Os tablets Android nunca se tornaram tão populares ou úteis como o iPad da Apple.

Google Pixel C, tablet Android é agora descontinuado

Agora chega ao fim a sua presença na Google Store, a própria empresa emitiu um comunicado no qual justifica a sua “reforma”. Pode ser-se o seguinte:

Como é comum quando um dispositivo está em desuso, estamos agora a reformar o Google Pixel C. Este tablet Android já não está disponível para venda. No entanto, estamos dispostos em atualizar este tablet e oferecer suporte. Incluindo a atualização recente do Android 8.0 Oreo. Isto para que os utilizadores possam continuar a utilizar da melhor forma seu tablet Android. O nosso recém-lançado Google Pixelbook combina o melhor de um laptop e um tablet Android para aqueles que procuram um dispositivo versátil.”

Google Pixel C Tablet Android
Um dispositivo muito pouco divulgado, até mesmo no mercado norte-americano

A seu favor há que ser dito que este Pixel C conseguia fazer algumas coisa bem. Tínhamos aqui o modo ecrã dividido para melhorar o multitasking. Mas também era praticamente isso. Ademais, em 2015 já este mercado estava a encolher a cada dia que passava. Em suma, era tarde demais para o Google Pixel C conseguir ressuscitar este mercado dos tablets.

Mercado dos Tablets  Android e iOS sem sinais de recuperação

Já para não falar das aplicações Android. Eram e continuam a ser pouco optimizadas para o grande ecrã. Por “pouco” leia-se o eufemismo implícito. Até mesmo o Oreo, apesar de trazer o modo Picture-in-Picture, será bem mais útil nos smartphones.

Aliás, nos últimos meses este tablet com quase dois anos de mercado estava a ser alvo de chacota das suas rivais. Principalmente pelo seu preço ser o mesmo desde o dia em que foi lançado.

Agora, chega ao fim a sua presença na loja oficial da Google. Até mesmo o seu URL já nos leva ao Pixelbook, tal como nos indica a Android Police. A última aparição digna de nota foi no último filma de Mulher Maravilha (Wonder Woman) e bem, já não é nada mau!

E tu, neste momento utilizas algum tablet?

Assuntos relevantes na 4gnews:

Huawei P20 – Revelados esquemas de três variantes deste Android

Firefox Focus e Microsoft Edge – 2 ótimos browsers na Play Store

Nokia – Aplicação da câmara confirma novos modelos?

Viaandroidpolice.
FonteThe Verge
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).