Google Pixel 5 XL poderá chegar com um design seriamente questionável

Carlos Oliveira
Comentar

Ainda falta muito para a apresentação oficial dos Google Pixel 5, mas os rumores já começam a surgir. Aquilo que hoje chega à nossa atenção diz respeito ao primeiro render do vindouro Pixel 5 XL.

As imagens computorizadas foram divulgadas por Jon Prosser do canal Front Page Tech. Ele está bastante confiante que este seja mesmo um dos protótipos que a Google tem em cima da mesa para o Pixel 5 XL.

Google Pixel 5 XL

O módulo para a câmara que aqui vemos é consideravelmente maior do que aquele que se encontra no Pixel 4 XL e ainda mais controverso. É impossível não comparar esta disposição de lentes com um emoji.

Google Pixel 5 XL pode finalmente trazer uma lente grande angular

O render publicado mostra-nos que o Pixel 5 XL virá com três lentes na traseira. De acordo com as fontes de Jon Prosser, a nova adição será uma lente grande angular.

Ainda que a imagem não o contemple, Prosser afirma que a frente do Pixel 5 XL será semelhante à do Pixel 4. Ou seja, continuaremos a contar com uma margem superior, embora um pouco mais reduzida.

Convém notar que a imagem divulgada diz respeito apenas a um dos protótipos do Pixel 5 XL e não do modelo menor. Ao que parece, a Google terá três propostas em cima da mesa, sendo que as outras duas contemplam um módulo quadrado, semelhante ao do Pixel 4.

Google Pixel 5 só será apresentado em outubro

É importante realçar que os novos Pixel 5 só serão revelados em meados de outubro. Isto significa que ainda faltam muitos meses para a sua revelação e que é prematuro tirar conclusões definitivas.

Tal como referi, este é apenas um dos protótipos em cima da mesa para o próximo smartphone da Google. Esperemos que a empresa norte-americana lance algo mais apelativo, embora os Pixel nunca tenham ganho nenhum prémio para o smartphone com melhor design do mercado.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.