Google Meet está no bom caminho para "apanhar" o grande rival Zoom, afirma CEO

Vitor Urbano
Comentar

A Google tem duas aplicações de vídeo-chamada muito populares, sendo que uma delas foca-se nas tradicionais vídeo-chamadas entre amigos e a outra tem uma vertente mais empresarial. A grande diferença é que uma delas está limitada a 12 participantes (Google Duo), enquanto o Google Meet suporta um máximo de 250 participantes.

Ao longo das últimas semanas, o Google Meet tem recebido inúmeras funcionalidades, de forma a conseguir destacar-se durante este período em que grande parte da população está a trabalhar remotamente devido à pandemia do COVID-19. Esta aposta da Google está a apresentar excelentes resultados, tendo registado um aumento exponencial de utilizadores ativos.

Google Meet Zoom

CEO da Google revela números impressionantes para o Google Meet

Durante a mais recente earnings call da Alphabet, Sundar Pichai revelou que conseguiram alcançar um marco importantíssimo para o Google Meet. Atualmente, estão a registar uma média de aproximadamente 3 milhões de novos utilizadores por dia. Além disso, desde janeiro, registaram um aumento de 300% na utilização do serviço.

Atualmente, estimam que são realizadas mais de 100 milhões de vídeo-chamadas diariamente utilizando o seu serviço. Não há dúvidas que este grande crescimento coloca o Google Meet no bom caminho para se tornar um verdadeiro rival do Zoom, mas ainda está longe de o conseguir fazer.

É verdade que antes do "rebentar" desta crise, tanto o Zoom como o Google Meet se encontravam num patamar semelhante. No entanto, o Zoom viu o número de ligações diárias subir de 10 milhões para os 300 milhões, ganhando uma liderança isolada neste segmento de mercado.

Assim sendo, apesar dos 100 milhões do Google Meet serem realmente impressionantes, continuam a representar apenas 1/3 do volume de vídeo-chamadas realizadas no Zoom diariamente.

Google Meet Zoom vídeo-chamadas

O verdadeiro teste para o Google Meet ainda está por chegar

Atualmente atravessam uma fase desafiante de conseguir manter um ritmo de crescimento a par do seu rival, trazendo para os utilizadores o maior número de novas funcionalidades possível. No entanto, o grande desafio para todas estas plataformas está ainda por chegar.

Tanto o Google Meet como o Zoom viram o seu volume de tráfego multiplicar-se exponencialmente do dia para a noite. É difícil de prever qual será a reação dos utilizadores uma vez terminada a quarentena, e as suas vidas começarem a voltar ao normal.

Durante essa fase, vai ser crucial para ambas as empresas conseguirem manter os seus utilizadores ativos. Para isso, vão precisar de implementar funcionalidades que provem a utilidade dos seus serviços mesmo que já não se encontrem a trabalhar remotamente.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.