Google e Mastercard têm parceria secreta para "espiar" utilizadores

Vitor Urbano
Google Mastercard privacidade 4gnews
Google e Mastercard têm acordo que permite controlar os utilizadores "offline"

Surgiram agora novas informações que desvendam um alegado acordo secreto entre a Google a Mastercard. Este acordo permitia à gigante de Mountain View ter acesso a informações dos clientes da Mastercard.

Estima-se que este acordo tenha um valor de vários milhões de euros, e garantidamente permitiu impulsionar ainda mais a sua rede de anúncios. O negócio de anúncios da empresa está estimado em valores acima dos 80 mil milhões de euros.

Vê ainda: Existência do Google Pixel Watch desmentida pela própria empresa

Nos dias de hoje, a grande maioria dos utilizadores recorrem à internet para explorar as suas opções na altura de escolher um novo gadget. Muitas vezes acabam por explorar ofertas apresentadas por anúncios da Google. Mesmo que não seja realizada uma compra, a empresa mantém o registo do clique no anúncio.

De forma bastante inteligente, a Google conseguiu encontrar uma forma de controlar as ações dos utilizadores mesmo quando não estão online. Através desta parceria com a Mastercard, a empresa consegue medir o impacto dos seus anúncios mesmo em compras feitas em loja física.

A Google mantém utilizadores "debaixo de olho" mesmo quando estão offline

Já se tornou basta usual a opção de obter recibos digitais nas grandes superfícies comerciais. Assim sendo, a Mastercard tem na sua base de dados as informações necessárias para associar uma determinada compra a uma conta de email.

Posto isto, com o acesso a estas informações, é bastante fácil fazer um cruzamento de bases de dados. Para conseguir perceber até que ponto os utilizadores foram influenciados pelos seus anúncios.

Google Mastercard privacidade 4gnews

Colocando todo este cenário num exemplo prático, imaginemos que estou à procura de um novo smartphone. Ao ver um anúncio sobre o novo Xiaomi Pocophone F1, sou direcionado para uma loja online. No entanto, prefiro não comprar nessa loja e dirigir-me a uma loja física. Ao utilizar o meu cartão Mastercard para comprar um Pocophone F1 em loja física, a empresa fica a saber que o seu anuncio resultou numa venda em loja física.

Uma coisa é certa, este tipo de parceria vai começar a levantar ainda mais problemas relacionados com a violação de privacidade dos utilizadores. Especialmente se considerarmos que a Google partilha este tipo de informação com agencias de publicidade.

Editores 4gnews recomendam:

Google Maps: Esta aplicação é tão boa e muito mais leve!

Huawei prepara-se para competir com a Google e Amazon

Firefox quer ser mais segura e privada que o Google Chrome

Fonte | Via

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.