Google lança Desafio para dar mais oportunidades às mulheres no valor de €21 milhões

Rui Bacelar
Comentar

Graça Fonseca, ministra da Cultura, integra o painel de juradas do novo desafio da Google. O Dia Internacional da Mulher (8 de março) é celebrado pela gigante das pesquisas com o lançamento de um novo desafio com vista ao combate das desigualdades de género.

Para esse fim, a Google acaba de anunciar o Google.org Impact Challenge for Women and Girls. A companhia está a pedir ideias a organizações sem fins lucrativos e a organizações sociais de todo o mundo que trabalham na promoção do empoderamento económico de mulheres e raparigas e criar caminhos para a prosperidade.

21 milhões de euros para combater a desigualdade de género

Today at #GoogleForIndia #WomenWill we announced a commitment to support 1M women entrepreneurs in rural India, and a $25M @Googleorg Impact Challenge for Women & Girls to fund projects addressing systemic barriers to economic equality globally. #IWD2021 https://t.co/eNhgvWGzPB

— Sundar Pichai (@sundarpichai) 8 de março de 2021

O Google.org disponibilizará um financiamento de 25 milhões de dólares, ou cerca de 21 milhões de euros, e os beneficiários do Impact Challenge irão receber orientações e mentoria de Googlers, Ad Grants e apoio adicional de forma a poderem concretizar as suas ideias.

A iniciativa foi divulgada hoje (8) através do blog oficial da tecnológica. É, acima de tudo, uma oportunidade de lançamento para novas profissionais e iniciativas que visem dar mais oportunidades às mulheres. Terá a participação de Graça Fonseca, ministra da Cultura no painel de juradas.

A Google lançou o desafio no Dia Internacional da Mulher

Se trabalham num projeto inovador que apoie mulheres e raparigas ou tem uma ideia ousada que transformará as oportunidades económicas para mulheres e raparigas.

As organizações têm até ao próximo dia 9 de abril para enviar ideias, e os contemplados serão anunciados no decorrer do ano de 2021.

De acordo com um dos testemunhos colhidos "quando mulheres e raparigas têm os recursos e as oportunidades para transformar o seu potencial em poder, isto muda a trajetória das suas vidas e fortalece comunidades inteiras. Eu própria vivi esta situação, na primeira pessoa, enquanto vivia na Índia. País onde programas de saúde pública que colocam os recursos e a tomada de decisão nas mãos de mulheres geraram resultados muito mais fortes para as suas famílias e vilas. Já vi isto na minha vida, quando chefes - tanto homens como mulheres - me deram oportunidades de expansão e apostaram na minha liderança".

A par da Google, outras empresas do ramo tecnológico seguiram o seu exemplo. Veja-se, por exemplo, a iniciativa da Associação de Profissionais de Marketing Digital (APMD) em Portugal.

Mãe? Ganhei um prémio! :DE tou ao lado da Pipoca mais Doce. #LifeGoalsAliás, tou ao lado de grandes mulheres da comunicação. Que honra! FDS! QUE HONRA! Não tenho palavras, só consigo dizer... Obrigada. https://t.co/82K5h82U1F

— Vanessa Amaral (@vanessamaral__) 8 de março de 2021

Esta associação, Digital Marketers, lançou o Prémio Digital Women 2021, tal como aponta a Marketeer.

Os 4 critérios para candidatura ao desafio da Google

1. Impacto - De que forma e em que medida o projeto proposto irá criar caminhos para a prosperidade de mulheres e raparigas ou conferir-lhes o empoderamento de que precisam para atingir o seu pleno potencial económico? A candidatura é baseada em pesquisas e dados sobre o problema e a respetiva solução? Quantas pessoas serão afetadas, e em que medida, se o projeto for bem-sucedido?

2. Inovação - Qual é a principal ideia ou inovação que diferencia este projeto de outros, em desenvolvimento ou em execução? O que torna o projeto proposto único?

3. Exequibilidade - A equipa tem um plano realista e bem desenvolvido, além da experiência e das competências adequadas para executar a proposta? A equipa identificou os parceiros e especialistas de domínio adequados para a implementação? A sua equipa tem mulheres em posições de liderança, de modo a entender melhor as necessidades do público-alvo?

4. Redimensionamento - Se for bem-sucedido, de que forma poderá este projeto desenvolver-se para além da proposta inicial? Poderá ser ampliado diretamente, servir de modelo para outras iniciativas ou trazer avanços para o setor?

A candidatura deve ser feita no portal para o efeito, onde também constam mais informações sobre a iniciativa.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.