Google está a ser investigada em Itália por alegado abuso de poder no Android Auto

Vitor Urbano
Comentar

Desde que foi obrigada a pagar uma multa multi-milionária à União Europeia, também por abuso de poder, são vários os países que iniciaram as suas próprias investigações. Agora, foi a vez do governo italiano dar início a uma investigação relacionada com o Android Auto.

Esta investigação tem como objetivo determinar se a Google está, ou não, a abusar da sua posição dominante para obrigar os utilizadores a utilizar o Google Maps. Isto porque, até agora, a empresa de Mountain View não autorizou developers a desenvolver nenhuma aplicação de navegação para o Android Auto.

Android Auto Waze

O processo preliminar teve início após uma queixa formal feita pelo developer da App "Enel X Recharge", que viu a sua aplicação rejeitada pela Google. Esta App tem como objetivo ajudar os utilizadores a encontrarem estações de carregamento para carros elétricos, algo que o Google Maps também faz.

Google afirma que a segurança dos seus utilizadores estará sempre em primeiro lugar

Até agora, o Google Maps e Waze são as únicas aplicações de navegação disponíveis para o Android Auto. De acordo com a Google, a justificação é simples, "garantir a segurança dos utilizadores enquanto estão a conduzir". Tanto o Google Maps, como o Waze, passaram por uma exaustiva lista de testes de forma a serem otimizados para o Android Auto.

Ambas as aplicações receberam várias alterações, com o objetivo de oferecer uma experiência de utilização ótima, mantendo o nível de distrações o mais baixo possível. De acordo com a empresa de Mountain View, esse é o único motivo pelo qual não aceitou ainda qualquer outra aplicação de navegação no Android Auto.

Android Auto

No entanto, isso poderá mudar em breve. Esta investigação do governo italiano deverá terminar em maio de 2020, e a Google está a analisar as queixas de forma a resolver os problemas referidos. Por isso, é possível que em breve venham a permitir a entrada de novas aplicações no Android Auto.

Ainda assim, é quase certo que, para que uma aplicação de navegação seja aceite no Android Auto, precise de passar com distinção numa longa lista de testes. Por enquanto, vamos apenas continuar a ver chegar aplicações relacionadas maioritariamente com a reprodução de conteúdo áudio.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.