Google Chrome BitCoin mineração
Google pode implementar este “aviso” no seu navegador Chrome

A “mineração” de criptomoeadas como o BitCoin através dos browsers (navegadores) como o Google Chrome está a tornar-se num assunto sério. Sabemos que alguns sites como o The Pirate Bay declaram publicamente que, enquanto o utilizador visita o seu site este estão a utilizar os recursos da tua máquina para mineração de BitCoin’s, existirá um número sem fim de outros sites que o fazem sem conhecimento do utilizador.

Vê ainda: 34 Apps agora gratuitas na Google Play Store para o teu Android

Segundo avança a TechSpot, esta é uma das novas pragas da Internet e a maioria dos utilizadores afectados apenas se aperceberão de que a sua máquina está a ser utilizada para minerar BitCoins quando olham para os ciclos do CPU, sendo bem notórios os picos de atividade.

Google Chrome poderá avisar os utilizadores quando um site está a tentar utilizar os seus PC’s para mineração de BitCoin

Este comportamento já despertou a atenção da Google segundo também avança a Bleeping Computer e terá motivado a colocação de uma nova hipótese junto dos engenheiros responsáveis pelo Google Chrome.

Hipótese essa que seria o aviso ao utilizador quando fosse detectado um site que estivesse a usar a sua máquina para minerar BitCoin.

Aliás, segundo um dos engenheiros do Google Chrome, Ojan Vafai, em resposta a um relatório de erros no qual era reportado o desvio de recursos do computador para aplicações de mineração de BitCoin no próprio Browser.

Criptomeadas BitCoin Google Chrome mineração
Alguns sites chegam ser infectados com extensões Java que se tentam descarregar para, a partir do teu PC, minerarem criptomoedas

O engenheiro do Google Chrome referiu que o browser poderia, ao detectar um pico de utilização do CPU proveniente daquela página, limitar automaticamente a utilização de recursos pelo site, sendo a locação de recursos seriamente limitada, colocando até o navegador em modo de poupança de energia.

Para já é apenas uma hipótese

Para além disso surgiria uma janela pop-up a alertar o utilizador de que o site poderia estar a minerar BitCoin sem o seu conhecimento.

Importa ainda referir que toda esta hipótese não passa de um palpite, de uma sugestão dada por um dos engenheiros envolvidos no desenvolvimento deste navegador utilizado por milhares de pessoas em redor de todo o mundo. Certo é que ninguém gosta quando, sem a nossa autorização e/ou conhecimento, os nossos recursos são utilizados para gerar lucro a terceiros.

Para mais informações sobre a esta marca e tudo o que é tecnologia falada em português segue a 4gnews. Acompanha-nos no FacebookInstagram e claro, no YouTube onde terás também as nossas LiveCasts semanais.

Até que tais mudanças possam ser implementadas no Google Chrome poderás usar extensões que te protegerão contra a mineração de BitCoin como a No CoinminerBlock ou a AntiMiner.

Outros assuntos relevantes:

Ulefone S7 – O smartphone de entrada por 35€

Samsung Galaxy S8 e Galaxy S8+ recebem nova atualização do Android

Transferências via PayPal são agora possíveis no Facebook Messenger

Fontetechspot
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).