Gigafactory da Tesla na Europa começará a produzir em 2021

Carlos Oliveira
Comentar

Durante o último relatório financeiro da Tesla, o seu CEO Elon Musk deu a conhecer alguns dos planos para a nova fábrica da construtora na Europa. Segundo o que Musk adianta, a nova Gigafactory iniciará a sua produção em 2021.

Enquanto as novas instalações não se encontram operacionais, todos os carros destinados ao velho continente continuarão a ser provenientes da Gigafactory de Fremont, na Califórnia.

Tesla gigafactory
Esta é a Gigafactory da Tesla em Fremont, Califórnia

Estas respostas surgem depois de Elon Musk ter sido confrontado com a possibilidade de a nova fábrica de Xangai, na China, poder vir a ser a eleita para satisfazer a procura europeia. Agora, ficamos a saber que tal não se concretizará.

Localização da nova Gigafactory na Europa será revelada no final do ano

Os planos da Tesla para construir uma Gigafactory na Europa não são uma novidade. No entanto, a construtora americana ainda não decidiu onde irá instalar a sua nova fábrica.

A resposta a essa interrogação irá surgir no final deste ano. A Alemanha parece ser o país melhor posicionado para receber a nova infraestrutura, mas ainda nada foi oficializado.

Atualmente, a Tesla possui uma fábrica na Holanda, mas esta está longe de garantir o nível de produção de uma Gigafactory. A infraestrutura localizada naquele país serve apenas uma parte final da linha de montagem da empresa antes de os carros serem expedidos para os clientes.

Com a construção de uma Gigafactory na Europa, a Tesla irá garantir uma produção total dos seus carros. Esta nova fábrica irá produzir baterias, motores e carros dentro de portas.

Qual o impacto da construção de uma Gigafactory na Europa?

Para além de dinamizar a economia local e continental, a construção de uma Gigafactory na Europa poderá ser benéfico para todos os potenciais compradores de um carro Tesla.

Ao construir os seus veículos neste continente, tal poderá representar uma queda nos preços de venda desses carros. Desse modo, a Tesla conseguirá poupar dinheiro no envio dos carros para cá.

Comentar
Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.