Samsung Galaxy Note 7

A Samsung lançou o Samsung Galaxy Note 7 com qualidades acima da média concorrente. O terminal da Samsung pode até não ter as melhores especificações no papel, mas no que toca a características, é de facto um smartphone a ter em conta.

Vê ainda: Smartwatches da Fossil estão em pré-venda e são o reflexo da perfeição

   

A Samsung investiu sem medo no leitor de Íris como forma de desbloqueio num flagship e oferece ainda um Note 7 com resistência à água e uma Spen melhorada.

Tudo isto foi aplaudido, mas quando as especificações foram confirmadas em papel os “tech savvy” ficaram desiludidos ao ver um processador não tão recente e “apenas” 4GB de RAM onde a concorrência já oferece 6GB.

Presidente Samsung Mobile: Dong jin Koh
Presidente Samsung Mobile: Dong jin Koh

Rumores falavam que a Samsung estaria a preparar um lançamento de um Samsung Galaxy Note 7 com 6GB de RAM e 128 GB de memória interna para o mercado Chinês e estes rumores passaram a ser oficiais quando o Presidente da Samsung Mobile Dongjin Koh confirmou tal equipamento.

“Aceitamos várias opiniões de várias regiões, consideramos ainda se esta jogada desapontará os consumidores na Coreia”

Esta foi a resposta à pergunta sobre o porquê da Samsung lançar apenas este modelo na China.

Esta medida foi tomada porque no mercado Chinês cada vez mais os concorrentes diretos estão a dar 128GB de memória interna onde teoricamente a Samsung ficaria para trás.

Quanto a nós, ficaremos com o modelo de 4GB de processador Exynos. Não deixa de ser um bom equipamento já com preço alto e pela diferença, visto o quão volátil está o nosso mercado, é de facto preferível que tenhamos o terminal com valor inferior visto que o de 6GB de RAM deverá custar 60€ acima dos 879€.

Talvez queiras ver:

 

ViaGsmArena
FonteKoreaherald
Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.