Fuchsia: Google regista o possível sistema que vai substituir o Android

Filipe Alves
1 comentário

Google Fuchsia é o sistema operativo que a Google tem vindo a desenvolver há alguns anos e que, segundo as informações, será o sistema que poderá vir a substituir o sistema Android. Porém, que também será um sistema adaptado a ecrãs maiores como os dos computadores.

Infelizmente, não temos muitas ideias concretas de como será o sistema operativo Todavia, sabemos que o Google Fuchsia está mais próximo que nunca porque acabou de ser registado no Bluetooth SIG.

Importância deste registo do Google Fuchsia

Google Fuchsia

Antes de qualquer novo sistema ou hardware ser lançado com Bluetooth precisa de passar por uma verificação Bluetooth. É neste tipo de verificação que normalmente temos noção de novos telemóveis que possam ser lançados pelas marcas.

Contudo, neste caso, temos apenas noção que um novo sistema está para chegar. O Google Fuchsia promete ser o futuro e ao contrário do ChromeOS ou Android não é baseado em Linux.

Fuchsia pode ser o futuro do sistema Android

Google Fuchsia

Ainda que não saibamos quais os objetivos concretos da Google para o novo sistema, sabemos que a empresa já há muito que tenta colocar uma "palavra de ordem" no sistema Android.

Visto que é um sistema livre (open Source), significa que qualquer pessoa pode colocar o sistema Android nos seus gadgets sem pagar nada.

Porém, isto faz também com que a Google perca a noção da qualidade dos dispositivos com o sistema Android. Ou seja, muitos destes smartphones acabam por estragar o bom nome "Android".

Além disso, os fabricantes tem feito o que querem e bem entendem do sistema com as suas personalizações. Não deixa de ser curioso que o mesmo não acontece com o WearOS da Google para smartwatches.

Ou seja, não é a primeira vez que vemos a Google a tentar remediar o problema "Android" que os fabricantes criaram. O Google Fuchsia pode ser a solução.

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.