Frente a frente: dois smartphones gaming que trazem especificações de topo

Mónica Marques
Comentar

A Xiaomi e a Lenovo preparam-se para lançar em meados de fevereiro dois novos smartphones, totalmente direcionados para a área gaming.

E como não podia deixar de ser, ambos os terminais chegam recheados de especificações de topo. Num frente a frente, qual dos dois sairá vencedor?

O que podemos esperar ver no Xiaomi Black Shark 5 Pro

Xiaomi Black Shark 5 Pro
A Xiaomi colocou este cartaz nas redes sociais para promover a série Black Shark 5

Ao que tudo indica, o mês de fevereiro será repleto de novos smartphones direcionados para a área de gaming, e dois dos novos terminais que vão chegar ao mercado são o Xiaomi Black Shark 5 Pro e o Lenovo Legion Y90. E como vão competir entre si pela conquista de mais utilizadores, colocámos os dois num frente a frente para avaliar as especificações que cada um traz para conquistar os gamers.

Comecemos pelo Xiaomi Black Shark 5 que vai ter aos comandos o processador Snapdragon 8 Gen 1 e exibir um ecrã de 6,8 polegadas com resolução Quad HD+ e taxa de atualização de 144 Hz. Para melhorar a experiência de jogo, o terminal gaming Xiaomi vai contar também com uma taxa de atualização de toque de 720 Hz.

Vai executar Android 12 sob a interface JOYUI da Black Shark que, na prática é a "irmã gémea" da MIUI, mas mais direcionada para a área gaming, claro. De resto, conta ainda com uma bateria robusta de 5000 mAh com suporte para carregamento rápido de 120 watts.

E como será o Lenovo Legion Y90?

Lenovo Legion Y90
Imagem revelada pela Lenovo do Legion Y90

Já no que diz respeito ao Lenovo Legion Y90, os rumores avançam que está equipado com um ecrã AMOLED de 6,92 polegadas com resolução Full HD+, uma taxa de atualização de 144 Hz e de amostragem ao toque de 720 Hz.

Conta também com uma bateria enorme de 5500 watts, mas o suporte para carregamento rápido fica-se pelos 68 watts. A comandar o terminal poderá estar o Snapdragon 8 Gen 1, mas informações divulgadas anteriormente apontam também para o Snapdragon 888 SoC. Em breve poderemos ter uma informação mais exata sobre este ponto.

O Lenovo Legion Y90 vai também integrar de até 18 GB de memória RAM que pode adicionar mais 4 GB adicionais de RAM virtual e ter uma capacidade de armazenamento de ate 512 GB de capacidade.

Um possível vencedor do frente a frente

A confirmarem-se todas as informações até agora divulgadas sobre os dois equipamentos, arriscamos a dizer que o Xiaomi Black Shark 5 Pro sai o justo vencedor do duelo, sobretudo se o Lenovo tiver aos comandos um processador mais antigo como o Snapdragon 888 SoC que, como expetável, fica atrás no desempenho do Snapdragon 8 Gen 1 do gaming da Xiaomi.

Por outro lado, ainda que o Lenovo esteja equipado com uma super bateria de 5500 watts, o carregamento rápido fica aquém dos 120 watts proporcionados pela Xiaomi com a sua bateria de 5000 mAh.

Já no que respeita ao ecrã, os dois modelos no papel apresentam as mesmas taxas de atualização e de toque, no entanto, a resolução Quad HD+ do Black Shark 5 Pro é superior ao Full HD+ da Lenovo.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.