Ford revela vídeo do Mustang Cobra Jet 1400! Um carro elétrico com performance inacreditável

Vitor Urbano
Comentar

A Ford continua a dar cartas no que respeita ao desenvolvimento de protótipos de carros elétricos sobre a alçada da Mustange. O mais recente modelo é o Mustang Cobra Jet 1400, que alegadamente vai destruir todos os recordes de performance estabelecidos por carros elétricos.

De acordo com as informações publicadas pela fabricante, o novo Mustang Cobra consegue garantir uma performance equivalente a 1,400 cavalos, o que irá garantir uma performance inacreditável em competições de drag race. A Ford vai mais longe e promete conseguir alcançar o tempo de apenas 8 segundos, nas populares corridas quarter-mile.

Ford Mustang Cobra Jet 1400 não vai ser comercializado, mas poderá inspirar novos modelos

Sendo apenas um protótipo, é extremamente improvável que a Ford decida proceder com a produção em massa deste novo modelo. No entanto, é possível que acabem por utilizar muitos dos avanços tecnológicos implementados em modelos futuros. Relembro que já confirmaram a produção em massa do Ford Mustang Mach-E.

No vídeo publicado pela Ford, podemos ver uma pequena demonstração destes "1,400 cavalos" em ação e até o som produzido pelo Mustang Cobra Jet 1400 é incrível. Mais do que isso, a marca afirma que as projeções dos seus engenheiros apontam para que o carro consiga cortar a meta da quarter-mile a uma velocidade de 170 milhas por hora.

Ford Mustang Cobra Jet 1400

Convertendo estes valores para o sistema métrico, espera-se que o Ford Mustang Cobra Jet 1400 consiga alcançar uns inacreditáveis 273 km/h em apenas 400 metros!

A Ford confirmou que o Mustang Cobra Jet 1400 deverá ter a sua estreia oficial durante o evento Drag Racing ainda antes do final do ano, onde se espera que consiga destruir os recordes neste tipo de corrida.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.