Fitbit vai lançar a smartband que pode destronar a Xiaomi Mi Band 6

Bruno Coelho
Comentar

A Xiaomi Mi Band 6 foi lançada no final de março, e prepara-se para iniciar a pré-venda no mercado português já nesta segunda-feira. Mas numa altura em que a smartband não chegou com algumas características desejadas, os utilizadores procuram alternativas

É aí que pode entrar em ação a Fitbit Luxe. Num exclusivo do site WinFuture, ficamos a saber que a empresa agora detida pela Google prepara o lançamento de uma smartband elegante, e com características bastante premium.

Fibit Luxe deve chegar com GPS e construção em aço inoxidável

A mais importante de todas, e que a Mi Band 6 não tem, é o suporte para GPS. Assim poderias usar a smartband nas tuas corridas ou em ciclismo, sem necessidade de ter o smartphone por perto.

Como é notável, a Fitbit Luxe terá um design bastante polido. E isso deve-se, em grande parte, ao facto de ter um corpo em aço inoxidável. Algo que certamente lhe vai conferir bastante resistência.

Podemos esperar um painel OLED, embora não seja para já conhecida a sua resolução. Infelizmente, não deves esperar o mesmo aproveitamento de ecrã completo que encontramos na Mi Band 6.

Podes também esperar as características sempre importantes, como monitorização dos batimentos cardíacos ou do sono. Além disso, terá também certificação à prova de água, para que a possas usar em atividades como a natação.

Mesmo com acesso às imagens, a fonte refere que ainda não é conhecido nem o preço, nem quando a smartband será lançada. Teremos de aguardar por mais desenvolvimentos durante as próximas semanas. Com GPS e construção em aço inoxidável, é de contar que vá além dos 44,99 € pedidos pela Xiaomi para a Mi Band 6.

Editores 4gnews recomendam:

  • Xiaomi Mi Band 6 chega oficialmente a Portugal. Mas desilude num detalhe
  • Xiaomi Mi Band é a smartband mais vendida no mundo há 4 anos
  • Xiaomi lança novas Smart TVs em 7 tamanhos e preço irresistível
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.