Família dá o nome de "Google" ao seu mais recente filho!

Filipe Alves
1 comentário

Escolher o nome para uma criança não é uma tarefa fácil. Os pais tem de gostar e temos de nos lembrar que para o resto da vida (se não mudar) esse será o nome de uma pessoa.

Por isso é que uma família de indonésia está a dar que falar. Isto porque decidiram dar o nome à criança de "Google. Um nome pouco normal e que em Portugal seria (teoricamente) impossível de dar.

Google filho noem

Pais da criança "Google" já receberam uma mensagem da empresa

A Google (empresa) quando soube sobre o assunto, acabou por felicitar a família e desejar que a criança venha a ser uma pessoa que venha a trazer bondade para a humanidade.

Porém, o nome não foi bem recebido pelo mundo. Muitas pessoas indicaram nos comentários do Instagram que a família só escolheu o nome de "Google" para que a empresa se chegasse à frente com algum tipo de patrocínio para o seu filho. Algo que a família indica não ser verdade.

O pai da criança referiu "Quando li comentários nas redes sociais, oh meu Deus, fui assim tão mau? Alguns até disseram [que eu chamei meu filho de Google] para obter compensação financeira, ou que meu filho seria recrutado pela Google no futuro, ou que sua escolaridade seja paga pela Google ”, disse o pai. "Eu disse 'Amém' às mensagens positivas, porque eu tento pensar positivamente."

Há também uma criança com o nome de "Xiaomi"

Esta não foi a primeira vez que um casa da indonésia escolheu um nome pouco habitual. Há uns meses foi reportado um casal que chamou à sua filha de Xiaomi. Xiaomi Fradella NaufaLyn para ser mais concreto.

A Xiaomi respondeu um pouco diferente da Google à situação publicando no Twitter uma fotografia da certidão de nascimento com a descrição "Quão é que os nossos fãs nos amam? Bem, uma família de Mi Fãs na indonésia acabaram de dar o nome "Xiaomi" à sua filha!"

Editores 4gnews recomendam:

1 comentário
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.