Facebook promete acabar com um dos maiores problemas do Instagram

Bruno Coelho
Comentar

Se usas diariamente o Instagram, sabes que um dos maiores problemas desta rede social tem sido as mensagens abusivos. São muitos os utilizadores que se queixam de receber mensagens privadas de teor abusivo, mas isso estará prestes a mudar.

Segundo avança a agência Reuters, o Facebook vai lançar uma funcionalidade para prevenir que os utilizadores vejam possíveis mensagens abusivas. Serão filtradas palavras ofensivas, frases ou mesmo emojis.

De acordo com o próprio Facebook, esta medida não vai chegar sozinha. Isto porque a rede social promete empenhar-se em tornar-se mais difícil que pessoas bloqueadas pelo utilizador, possam voltar a atuar, por exemplo, com outras contas.

Filtro poderá ser ativado nas definições de privacidade

Este filtro poderá ser ativado nas definições de privacidade do Instagram. E será o próprio utilizador a poder escolher palavras, frases ou emojis que deseja ver bloqueados das suas mensagens privadas.

A funcionalidade será aplicável apenas às mensagens diretas, e o Instagram afirma que vai chegar a vários países nas próximas semanas. No entanto, não existe garantia de que estará imediatamente disponível em Portugal.

Todos os utilizadores passarão a ter também a possibilidade de bloquear qualquer contacto de pessoas no Instagram, assim que bloqueiem a sua conta. Mais uma medida que será muito bem-vinda.

Até a funcionalidade estar ativa, mantemos as nossas reservas quanto à sua efetividade prática. Só depois de a vermos em utilização, poderemos ver quão efetiva será a bloquear as mensagens de spam que se tornaram recorrentes nos últimos tempos nesta rede social.

Esta novidade agora avançada pela rede social, já havia sido descoberta no código no mês de março, tal como a 4gnews noticiou à data.

Editores 4gnews recomendam:

  • Nova Apple TV 4K chegou! A renovação esperada
  • iPhone 12 tem nova cor oficialmente anunciada pela Apple
  • Google explica o porquê de tanta instabilidade nas apps do Android
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.