Facebook Messenger tem 3 novidades que deves conhecer

Bruno Coelho
Comentar

Graças à sua ligação direta ao Facebook, o Messenger tornou-se uma ferramenta de comunicação para muita gente. O serviço encontra-se em constante melhoria, e agora foram reveladas três funcionalidades que prometem melhorar a tua experiência a usá-lo.

Para começar, são revelados os novos “temas de conversa”, que prometem ajudar a personalizar as tuas conversas de outra forma. Além disso, será adicionada uma nova barra de resposta rápida e códigos QR com links de pagamento.

Muda o estilo da tua conversa com os novos temas

Se estás farto dos coloquiais temas de conversa que se resignam a uma cor, o Messenger tem a solução para ti. Agora podes transformar o fundo da tua conversa, com três temas muito especiais.

Em primeiro lugar, o tema “Olivia Rodrigo”, baseadi no lançamento do seu novo álbum “Sour”. Temos também o tema do Dia Mundial dos Oceanos, que promove a sustentabilidade. Já o tema "The Fast Saga" celebra os 20 anos da saga “Velocidade Furiosa”.

Barra de resposta rápida melhora a eficiência

Com o primordial objetivo de melhorar a eficiência das tuas respostas, o Messenger adiciona uma barra de respostas enquanto consomes multimédia. Dessa forma, basta clicares na fotografia ou vídeo que estás a ver, e respondes diretamente.

Códigos QR e links de pagamento

Apenas nos Estados Unidos, os utilizadores do Messenger passam também a ter disponíveis códigos QR e links de pagamento para quando querem receber ou enviar dinheiro através do Facebook Pay.

Os referidos temas já se encontram a funcionar nos nossos testes, mas as respostas rápidas a partir dos conteúdos multimédia ainda não estarão ativas. Será assim uma questão de dias até chegarem a todos.

Editores 4gnews recomendam:

  • Xiaomi revela toda a verdade sobre o carregamento de 200W
  • Apple iPad Pro 12.9 (2021) com M1 submetido ao famoso teste de tortura (vídeo)
  • Apple: viaja até ao passado com a app OldOS que replica o iOS 4 no teu iPhone
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.