Déjà Vu? "Explodiu" o primeiro Samsung Galaxy Note 9

Vitor Urbano
Samsung Galaxy Note 9 explosão bateria Note 7 4gnews
'Explodiu' o primeiro Samsung Galaxy Note 9

Por muito que a Samsung gostasse que isso acontece-se, vai ser impossível que alguma vez nos iremos esquecer do terror que foi o Galaxy Note 7 e todos os seus "instintos pirotécnicos". Agora, parece que o fantasma do Note 7 poderá estar de volta, uma vez que surgiu o primeiro caso em que o Galaxy Note 9 pegou "fogo".

O primeiro relato de problemas deste género com o Samsung Galaxy Note 9 chegou juntamente com um processo no tribunal, lançado pela mulher que viu o seu smartphone "pegar fogo" dentro da sua mala enquanto estava num elevador em Nova Iorque.

Vê ainda: Samsung com 4 câmaras traseiras? Este é um conceito desajustado…

Parece que a fabricante sul-coreana poderá estar em maus lençóis novamente, especialmente se mais casos semelhantes começarem a surgir. Teremos de esperar para ver como a empresa vai reagir a este acontecimento.

De acordo com a publicação do The New York Post, a mulher tinha acabado de entrar no elevador quando o seu Note 9 ficou tão quente que se tornou impossível de utilizar. Depois de o colocar na mala, começou a ouvir uma espécie de assobio e outros sons, seguidos de denso fumo.

Samsung Galaxy Note 9 apresenta os primeiros sintomas do fantasma Note 7

Assim, como seria de esperar, a mulher começou a entrar em pânico. Acabando mesmo por queimar os seus dedos ao tentar pegar no smartphone. Assim que o elevador abriu as portas ela despejou a sua mala no chão e rapidamente atirou o Galaxy Note 9 para fora da cabine.

Tal como reportado pelo The New York Post, a utilizadora em causa iniciou um processo em tribunal onde acusa a Samsung por danos pessoais. Procurando ainda o cessamento das vendas do smartphone. Não se sabe ainda até que ponto poderá conseguir alcançar os seus objectivos. Mas, certamente que poderia causar grandes problemas à fabricante.

Samsung Galaxy Note 9

Para delícia de todos os seus fãs, e depois de conseguir fazer "esquecer" os problemas do Note 7. A Samsung colocou no Note 9 a maior bateria que alguma vez utilizou. Com a sua bateria de 4000 mAh, o atual topo de gama apresenta mais 500 mAh do que o problemático Note 7.

Aquando da revelação desta generosa bateria, a Samsung fez questão de publicitar ao máximo o fato de realizar um processo extremamente rigoroso de segurança. Em que as baterias têm de passar por múltiplos testes até que sejam integradas nos smartphones.

Um responsável da Samsung já se pronunciou sobre o acontecimento. Afirmando que não existiram quaisquer relatos semelhantes a este acontecimento e que a fabricante está a investigar a situação.

Por fim, será que estamos perante mais uma falha de design? Ou terá sido este apenas um acontecimento isolado de "puro azar"?

Editores 4gnews recomendam:

Samsung poderá desenvolver um Galaxy A com Snapdragon 845

Samsung Galaxy S10 será bastante diferente dos seus antecessores

Samsung Galaxy S7 recebem atualização de segurança para o Android

Fonte | Via

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.