Samsung Galaxy A3 2016 4gnews 19

Em 2016 o público recebeu muito bem a linha de equipamentos Galaxy A e, agora que o ano está a chegar ao fim, a marca sul-coreana está a preparar-se para renovar esta gama de sucesso. Espera-se que o Samsung Galaxy A7 (2017) lidere a nova família e seja o seu porta-estandarte. Este será o próximo smartphone Android de gama média-alta da Samsung e já sabemos as suas características.

Vê também: Microsoft mostra-nos como será o seu concorrente ao Amazon Echo e Google Home
De acordo com os rumores anteriores, a nova linha Galaxy A poderá ser à prova de água e pó (certificação IP68), portanto estes equipamentos poderão ser mergulhados até 1.5 metros de profundidade em água doce durante um período que não ultrapasse os 30 minutos. Para mais detalhes sobre esta característica lê o artigo completo, aqui.

   

Hoje ficamos a conhecer grande parte das especificações e características técnicas deste Samsung Galaxy A7 (2017) e, de acordo com esta fuga de informação o equipamento terá um ecrã de 5.7 polegadas, uma tela com resolução 1080p Full-HD, tecnologia Super AMOLED, o processador Exynos 7880 com 3GB de memória RAM. A nível de armazenamento interno o Samsung Galaxy A7 (2017) terá duas versões, uma com 32GB e outra com 64GB, ambas com possibilidade de expansão via microSD.

Lista de especificações do Galaxy A7 (2017
Lista de especificações do Galaxy A7 (2017

Melhor ainda, a bateria deste Samsung Galaxy A7 (2017) deverá ter 3500 a 3600mAh, uma boa capacidade que promete uma autonomia acima da média. Sem esquecer os 16MP para a sua câmara frontal e traseira, além de um leitor de impressões digitais/sensor biométrico, Dual-SIM e entrada USB do Tipo C.

A marca deverá lançar este Samsung Galaxy A7 (2017) e restantes membros da família no início de 2017 com uma construção em vidro, especificações reforçadas e características ainda mais cativantes. Só falta mesmo saber o seu preço mas já estamos bem curiosos!

Talvez queiras ver:

Bluboo edge vs Elephone S7, nunca ecrãs curvos foram tão baratos

Lockheimer desmente a chegada do Andromeda e que o Android é para continuar

Microsoft apresenta o primeiro Tradutor Pessoal Universal