Estás a pensar comprar um smartwatch com WearOS? Não o faças já!

Filipe Alves
1 comentário

A Qualcomm acaba de revelar os novos processadores Snapdragon Wear 4100 e 4100+. Estes chips são feitos para os smartwatches e prometem trazer uma melhoria considerável face aos modelos que temos no mercado. Assim sendo, se tens um smartwatch na lista de compras e tem WearOS, é melhor não raspares o cartão agora!

Em 2018 a Qualcomm revelou-nos o processador Snapdragon Wear 3100. Um chip melhorado e finalmente trouxe uma autonomia decente aos smartwatches. Agora, os novos processadores prometem ainda mais.

Finalmente os smartwatches com WearOS poderão competir com o Apple Watch

Smartwatch

Já não era sem tempo. Segundo a Qualcomm, estes novos Chips tiveram uma melhoria considerável. Começando pelo seu tamanho. Os processadores são de 12nm, comparado com o modelo anterior de 22nm.

A Qualcomm referiu ainda que os processadores trarão 25% de mais autonomia aos smartwatches e uma melhoria de desempenho de 85%. Ou seja, temos quase o dobro da melhoria em desempenho. E bem precisava.

Por muito que os relógios inteligentes com WearOS fossem atrativos, a sua utilização era má e tediosa. A autonomia só era decente se o tal Snapdragon 3100 estivesse dentro e mesmo assim, deixava a desejar.

As diferenças entre o Snapdragon Wear 4100 e 4100+

As diferenças não são muitas, porém, consideráveis para um relógio. Os smartwatches que tragam o modelo "Plus" do processador, terão a possibilidade de ter "Ambient display".

Ou seja, um ecrã sempre ligado. A outra grande diferença é na monitorização do sono e na mais acertada monitorização de batimentos cardíacos. Isto porque o 4100+ oferece um chip dedicado a estes pormenores.

Quando chegarão smartwatches com estes novos processadores

Espera-se que os smartwatches com estes novos processadores cheguem em 2020. Assim sendo, se estavas a pensar comprar um novo smartwatch com WearOS, é melhor esperares um pouco mais. Não te vais arrepender!

Editores 4gnews recomendam:

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.