Especificações para redes 5G aprovadas pela entidade competente

Carlos Oliveira
5G
O primeiro passo para a chegada do 5G está dado

Certamente que já ouviste falar no novo standard para redes móveis 5G. Esta será certamente a tecnologia que virá para substituir o padrão 4G que hoje em dia utilizamos em conexões de redes móveis à internet. O seu principal objetivo será a melhoria nas velocidades de download, bem como uma maior autonomia para os equipamentos compatíveis.

Vê ainda: 45 aplicações gratuitas na Google Play Store para o teu Android

Este novo padrão de ligações móveis tem sido algumas vezes falado pelas mais diversas empresas tecnológicas, é verdade. Mas importa desde já referir que ainda estamos algo distantes de utilizar conexões 5G no nosso dia-a-dia. Ainda não existem infraestruturas físicas que suportem esta tecnologia, muito menos equipamentos com suporte à mesma.

Mas agora um primeiro passo foi dado nessa direção. As especificações técnicas para conexões 5G foram finalmente aprovadas pela entidade que supervisiona este setor, a 3GPP. Os responsáveis desta entidade chegaram a acordo numa reunião que se realizou na cidade de Lisboa.

Até agora as operadoras e construtoras sabiam, tal como nós, da eminência da chegada de redes 5G mas não possuíam as tecnicidades necessárias à sua implementação. A partir de agora estas já sabem como terão de desenvolver os seus serviços e produtos.

As redes 5G podem, a partir de agora, começar a ser desenvolvidas e implementadas

No entanto, a lista completa de especificações para redes 5G ainda não se encontra disponível, mas será uma questão de dias até que o seja. Pelo que se sabe atualmente, esta tecnologia suportará redes de baixa frequência entre os 600MHZ e os 700MHZ, redes de média frequência com 3.5GHz e de alta frequência com 50GHz.

As velocidades de download deste novo standard deverão também subir consideravelmente face ao 4G. Atualmente, o 4G permite velocidades de download que podem ascender aos 1Gbps. Com as redes 5G, estas velocidades podem ascender às dezenas de Gbps.

O primeiro passo para a implementação deste novo tipo de conexão móvel está dado. A partir de agora segue-se o processo de desenvolvimento de infraestruturas e equipamentos com suporte à mesma, antes de podermos fazer usa das suas vantagens no nosso quotidiano.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Huawei Honor 9 Lite – Conseguirá este Android destacar-se no mercado?

Samsung Galaxy S9 – Infinity Display é confirmado para o próximo flagship

Já é possível jogar na lotaria com prémios em Bitcoin

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.