Epic Games adquiriu o estúdio responsável pelo fenómeno Rocket League

Vitor Urbano

A Epic Games confirmou a surpreendente aquisição do estúdio Psyonix, responsável pelo desenvolvimento do fenómeno Rocket League. Esta aquisição confirma uma vez mais a aposta da empresa na expansão dos jogos 'cross platform'. Visto que Rocket League continua a ser um dos mais populares jogos 'cross platform' de sempre.

Ainda que o valor final do negócio não tenha sido revelado, terá sido garantidamente um investimento bastante avultado. Como resultado deste investimento, o Rocket League irá abandonar a loja da Steam e juntar-se à loja da Epic Games nos últimos meses de 2019.

Rocket League Epic Games

No entanto, em declarações ao site USGamer, um representante da Epic Games garantiu que o Rocket League irá continuar disponível para compra na Steam até que a transição seja finalizada. Mais ainda, mesmo depois de ser transferido para a loja da Epic, os utilizadores da Steam irão continuar a ter acesso ao jogo e receber suporte.

Epic Games continua a apostar forte na 'batalha' contra a Steam

Depois do incalculável sucesso com o Fortnite, a surpreendeu tudo e todos, ao lançar a sua própria loja de jogos para PC. Atualmente, tirando os estúdios que criaram uma loja exclusiva para os seus títulos, a Steam é a única que oferece uma oferta variada de jogos para PC.

Ao contrário do que seria esperado, a Epic Games pretende mesmo estabelecer-se como uma séria rival da Steam. Para isso, começou desde cedo a implementar estratégias polémicas, ao tentar garantir a exclusividade de vários títulos muito populares. Curiosamente, alguns estavam até disponíveis na Steam.

Epic Games Store Steam

De forma a conseguir aliciar o maior número de estúdios e developers possível, a Epic Games Store oferece comissões bem mais aliciantes do que a Steam. No caso da Steam, é cobrada uma comissão de 30% para jogos com vendas até 10 milhões de dólares, entre os 10 e 50 milhões de dólares a comissão desce para os 25% e a partir dos 50 milhões de dólares atinge o valor minímo de 20%.

Por sua vez, a Epic Games decidiu realizar uma oferta impossível de resistir. A loja da criadora do Fortnite cobra uma comissão de apenas 12% em todas as vendas. Desta forma, sendo um jogo com milhões de vendas, ou não, a Epic Games Store será sempre uma opção mais lucrativa.

Editores 4gnews recomendam:

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.