dotOs ecrãs tácteis não são propriamente úteis ou sequer interessantes para a população invisual dado que não se conseguem aperceber dos pixels em movimento numa superfície lisa. Em boa verdade, o advento dos ecrãs tácteis ou telas touch veio aumentar o desfasamento entre a evolução tecnológica e este segmento da população impedindo-os de ficar a par da informação apresentada.

Existem algumas excepções para este problema geral como os assistentes de voz, seja a Siri, Cortana ou o Google Now que comunicam através do som. Existem também alguns e-readers em braille mas na sua maioria são produtos muito pouco convenientes.

É precisamente nesta área cinzenta de mercado, onde a oferta existente é praticamente nula apesar de se fazer sentir uma constante procura que uma jovem empresa Sul-Coreana decidiu actuar e investir os seus esforços. Esta start-up criou um acessório que não será proibitivamente caro, a Dot Smartwatch Braille que trará a conveniência dos smartwatch’s a toda a população invisual.

   

A Dot Smartwatch Braille, ou simplesmente Dot, tem várias células interactivas que, ao oscilar, vão compor os caracteres de Braille. Até agora se recebessem uma mensagem de texto a única maneira de ficar a par do seu conteúdo seria através da reprodução de voz da Siri ou Cortana, sendo o tom de voz impessoal e algo mecânico.

“Não preferias ler por ti mesmo a mensagem da tua namorada em vez de ouvir uma voz mecânica a reproduzi-la?” sugere o CEO da empresa Eric Ju Yoon Kim ao Tech in Asia.

Em termos de aparência esta Dot Smartwatch Braille vai buscar os seus traços ao Pebble Time e até a uma Fitbit, possuindo quatro células, cada uma com seis pontos activos que podem subir e descer para compor até 4 letras de braille ao mesmo tempo. A Dot emparelha com o teu smartphone via Bluetooth e converterá o conteúdo das SMS em caracteres de Braille, a sua autonomia deverá chegar para 5 dias de utilização contínua até que precises de voltar a carregar.

Um dos principais pontos a favor desta Dot Smartwatch Braille é o seu preço que rondará os 300$ assim que chegar ao mercado em Dezembro, um preço bastante reduzido tendo em conta que estes gadgets preparados para comunicar via Braille ascendem normalmente às várias centenas de dólares/euros.

A tecnologia deve servir um único propósito, o de facilitar as nossas vidas e tornar o nosso dia-a-dia, nesse ponto, a Dot Smartwatch Braille merece um futuro próspero.

Talvez queiras ver:

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).