Dbrand intimada pela Sony a parar de vender Darkplates para a PS5

Rui Bacelar
Comentar

A empresa canadiana Dbrand recebeu uma intimação judicial da gigante japonesa Sony para parar de vender os seus acessórios de personalização para a consola PlayStation 5 (PS5). O anúncio foi feito pela própria através da sua página no Reddit e demais canais.

Trata-se de uma tomada de posição pela tecnológica nipónica que pretende acabar com a venda dos autocolantes ou skins em preto sem brilho (matte) para a consola de nova geração. O produto da dbrand apelidado de "Darkplates" permitia mudar radicalmente o look da nova consola da Sony.

É o fim das "Darkplates" da dbrand para a consola PS5

A empresa canadiana anunciou o fim das vendas para este acessório - "Darkplates" - com efeito imediato. A motivação? Uma intimação judicial recebida pela entidade em questão e assinada pela Sony Interactive Entertainment, os responsáveis pela PS 5.

As justificações invocadas pela tecnológica japonesa podem ser consultadas, grosso modo, na plataforma Reddit. Aí, a dbrand informou os seus seguidores e consumidores das novidades pessimistas. É o fim destes acessórios (pelo menos para já).

Em síntese, a Sony invoca que o produto vendido pela dbrand "replica o design de produto legalmente protegido, pertencente à Sony Interactive Entertainment". A Sony especifica ainda o design dos botões PlayStation presentes no produto da dbrand.

Por fim, a intimação "pede" à dbrand para pôr termo permanentemente à venda do produto, bem como a remoção de todo o material promocional do mesmo. Isto é, todas as referências e marketing deste produto, bem como as vendas globais das faceplates.

Em síntese, todos os produtos que contiverem material legalmente protegido da Sony Interactive Entertainment como, por exemplo, os ícones da PlayStation. "(...) ou qualquer produto com configuração similar, incluíndo - sem limitação - as faceplates atualmente vendidas pela dbrand.com".

A Sony também protegeu legalmente os painéis laterais da PS5

Sony dbrand
Excerto da intimação recebida pela dbrand, emitida pela Sony.

Além da intimação a publicação da dbrand refere também que após o primeiro contacto pela equipa legal da Sony a empresa tratou de proteger legalmente (patentear) o design dos paineis laterais da PS5. Fê-lo junto da entidade competente no Canadá, país em que a dbrand está sediada.

Por fim, a dbrand afirma cumprir a intimação judicial da Sony. Não obstante, termina a publicação com um sonoro "Para já!" e chega mesmo a desafiar a gigante japonesa. "Go ahead, sue us" - Força, processem-nos!, numa tradução literal da publicação.

Em síntese, para os jogadores que estejam à procura de opções de personalização para as respetivas consolas são péssimas notícias. A dbrand era a solução mais popular no mercado, com produtos de reconhecida qualidade e facilidade de aplicação.

A partir de agora, contudo, terão que procurar junto de outro fornecedor.

Editores 4gnews recomendam:

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.