Curiosity rover

O Rover Curiosity já vive em Marte há 12 anos, é de lembrar que a expectativa é que o pequeno carro conseguisse sobreviver apenas 90 dias no planeta Vermelho.

Este Curiosity trouxe-nos mais do que apenas boas imagens de Marte, o facto de persistir durante tantos anos no planeta vizinho, deu-nos uma luz dos desafios e possibilidades de Marte para a exploração humana.

   

Vê ainda: Estes são os planos de Elon Musk para colonização em Marte

O “robô Marciano” já nos mostrou que água foi um factor chave no planeta há milhões de anos atrás e agora vai à procura de mais evidências de tal.

Marte Gully

A NASA encaminhou o Curiosity para Gully, o lado ESTE da cratera de RIM, uma parte geológica que se acredita que foi feita há milhões de anos pela corrente de água.

Infelizmente o nosso amigo de lata não consegue identificar sinais de vida, passada ou presente, mas novas imagens e amostras de rochas poderão determinar se a Marte já alguma vez foi um planeta habitável.

Não percas: Estação espacial Chinesa em rota de colisão com a Terra

A viagem de Elon Musk e da Space X animaram a exploração espacial e acredita-se que estamos a menos de 10 anos para o primeiro Homem calcar a superfície de um outro planeta pela primeira vez. Estas informações vinda dos Curiosity são fulcrais para os próximos acontecimentos.

Talvez queiras ver:

NASA confirma evidências de um pequeno oceano na Europa (Lua de Júpiter)

NASA prepara uma “surpreendente” conferência com novidades sobre Europa, a lua de Júpiter

Novas imagens de Marte mostram o quão parecido o planeta é com a Terra

ViaIflScience
FonteNASA
Fundador do projeto 4gnews, sempre olhei para a tecnologia como um pedaço de nós. Desde cedo ligado ao mundo tecnológico, este é literalmente o meu trabalho de sonho. Amante de vinho e apaixonado pelo meu Vit. Guimarães, acredito ainda que todas as nossas acções são o gatilho para o nosso futuro.