Cuidado com o teu iPhone 12! Reparar o seu ecrã não será barato

Carlos Oliveira
Comentar

Os iPhone 12 e iPhone 12 Pro já entraram em fase de pré-venda e, ao que tudo indica, estão já a provar ser um sucesso de vendas. Depois de os fãs começarem a comprar os novos smartphones da Apple, a empresa decidiu divulgar os custos de reparação dos seus ecrãs.

Segundo os dados revelados pela própria Apple, a reparação do ecrã dos iPhone 12 terá um custo de 279 dólares. Infelizmente, não podemos dizer que se trata de um valor acessível, mas é aquilo que a Apple te cobrará caso partas o seu resistente Ceramic Sheild.

Custos de reparação do ecrã dos iPhone 12

  • iPhone 12 - 279 dólares
  • iPhone 12 Pro - 279 dólares

iPhone 12

A Apple divulgou apenas os valores de reparação dos ecrãs para os dois modelos que já entraram em fase de pré-venda. Os custos de reparação dos iPhone 12 Mini e iPhone 12 Pro Max serão partilhados quando também estes ficarem disponíveis para compra.

Certamente já notaste que a reparação do ecrã de ambos os equipamentos terá o mesmo custo. Isso é algo que não surpreende, uma vez que ambos utilizam o mesmo ecrã Super Retina XDR OLED de 6.1 polegadas.

Se o preço de reparação do ecrã do iPhone 12 Pro se mantém face ao seu antecessor, o mesmo não podemos dizer do iPhone 12. A reparação do ecrã do iPhone 11 custava 199 dólares. Mas esta inflação é compreensível, visto que o modelo deste ano possui um ecrã superior.

iPhone 12 Pro já está a ser um sucesso

A Apple não tem o hábito de divulgar números relativos às vendas dos seus equipamentos. No entanto, vários analistas elucidam o mercado relativamente a esse cenário.

De acordo com o conceituado Ming Chi-Kuo, o iPhone 12 Pro é aquele que se está a provar mais popular entre os fãs, pese embora o seu preço de 1179€. Mesmo sem adiantar números, este modelo estará já a superar todas as expectativas da marca.

Vale relembrar que os modelos do ano passado tiveram uma receção tímida no mercado. Ainda assim, o iPhone 11 conseguiu ser o smartphone mais vendido, em todo o mundo, durante o primeiro trimestre do 2020.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.