The Netflix Inc. website and logo are displayed on laptop computers arranged for a photograph in Washington, D.C., U.S., on Tuesday, Jan. 21, 2014. Netflix Inc., the largest subscription streaming service, is expected to release earnings data on Jan. 22. Photographer: Andrew Harrer/Bloomberg via Getty Images

Microsoft Edge é o melhor browser que a empresa de Redmond já criou. Para muitos, é também o melhor browser de todos, pelo menos para Windows. Contudo, isso são meras questões subjetivas.

O que não é tão subjetivo é que o Microsoft Edge é o primeiro e único browser a receber a possibilidade de correr conteúdo 4K da Netflix. Sim, para os amantes de séries, filmes e todo o tipo de conteúdo multimédia que se possa encontrar no “spotify do cinema”, é agora possível desfrutarem da resolução 4K através do PC, usando o Edge.

15153072_1301555259895962_1774333434_o-min

Para muitos, este Edge não passa de um Internet Explorer com um design mais futurista. Porém, ele é bem mais do que isso. É um browser que se encontra repleto de funcionalidades semelhantes às de outros concorrentes e, ao mesmo tempo, com algumas lacunas que poderão ser resolvidas facilmente. Agora, e num contexto mais pessoal, quando o Edge chegou com o Windows 10, não o usei por várias razões. A primeira porque o Chrome servia para tudo que queria, a segunda porque o novo browser da empresa de Bill Gates ainda não estava ao nível dos demais. O tempo foi passando e, para ser sincero, ainda não é a minha primeira escolha em 100% das ocasiões, mas depois do que tenho visto acerca do consumo de bateria do mesmo quando comparado com o de outros browsers, aí a história muda de figura.

Essa e outras razões não são, todavia, suficientes para que a percentagem de utilização deste browser tenha crescido, comparativamente aos restantes. Porquê? É uma boa pergunta, para o qual não há uma resposta clara. Mas é uma tendência que se inverterá certamente, se a Microsoft continuar com este género de parcerias.

Talvez queiras ver:

Microsoft poderá trazer um emulador x86 ao Windows 10 Mobile em 2017

HP lançará novo equipamento com Windows 10 Mobile no próximo ano

“Correio” do Windows 10 ganha notificações interativas