oneplus

A OnePlus foi uma das marcas que deu um grande impacto em 2014. A marca Chinesa com o tão procurado OnePlus One conseguiu captar as atenções de todos os geeks mundiais e dos mais curiosos que não resistiram à tentação da compra de um “Flagship Killer”.

A OnePlus trouxe um equipamento com especificações de topo por um valor super acessível, fazendo uma “exaltação” espontânea de entusiasmos. 

   

O marketing da empresa foi ainda melhor. Restringir o público, fazendo a procura maior do que a oferta fez com que o smartphone mesmo a um preço acessível fosse super valorizado.

A qualidade do equipamento está fora de questão. Com Snapdragon 801, 3GB de RAM e câmara com vídeo 4K é sem dúvida complicado encontrar tais especificações num smartphone concorrente por um preço idêntico. 

Mas será que a marca Chinesa consegue continuar o ritmo? Conseguirá fazer do seu sucessor tão ou mais falado que o seu primeiro ?

Rumores falam que o OnePlus Two poderá continuar com especificações de topo e com o seu preço imbatível, fala-se ainda que o OnePlus Two poderá ter um ecrã mais pequeno, ou até mesmo dois ecrãs. Outros rumores apontam para um OnePlus One Mini que terá um ecrã de 5”polegadas.

Na minha opinião a “Flagship Killer” terá de lançar algo que se espera e algo que ninguém esteja a contar. Os fãs estão à espera de um OnePlus Two seja algo idêntico ao modelo inicial e para sobreviverem num mercado tão feroz terão de o fazer.

O sistema de convites é obrigatório para o próximo FlagShip da marca, no entanto terão de “libertar” o terminal mais cedo do que aconteceu com o OnePlus One. 

Curiosidade: Confirmado, OnePlus Two será lançado a Q2 ou Q3 de 2015

A marca têm lançado alguns teasers tentadores, mas sempre que temos o evento temos surpresas desanimadoras, com um PowerBank e auriculares JBL, enquanto os fãs esperavam algo mais tentador, algo mais relevante.

A única forma da OnePlus ganhar o respeito de marcas concorrentes é conseguir distribuir mundialmente sem qualquer impedimento, conseguir suportar a demanda que possa existir sob os seus gadgets.

Acredito que em 2015 a OnePlus lance mais que apenas um smartphone e na continuo na esperança que seja acompanhado de um wearable.

Embora não seja obrigatório para a sua ascenção, a OnePlus terá de se impor, terá de ser temida pelas grandes empresas e não é a venda de 1 Milhão de smartphones que assustará as grandes mundiais.

A Marca Chinesa tem capacidades e já provou isso, tu acreditas que a OnePlus possa dar um salto este futuro ano de 2015?

 Talvez querias ver:

 

Queremos saber a tua opinião sobre este assunto por isso fica livre de comentar abaixo. Clica aqui para saberes como ajudar a 4GNews!

Nós e os nossos meios de comunicação!