Carro elétrico da Apple vai ser benéfico e dar dinheiro a fabricantes asiáticos

Mónica Marques
Comentar

De acordo com notícias recentes, os grande beneficiários do futuro carro elétrico da Apple vão ser... os fabricantes asiáticos.

Tudo porque estes fabricantes são os que estão melhor colocados para aproveitar todas as oportunidades de negócio que o veículo Apple irá trazer consigo.

Apple pode entregar produção de carro elétrico a terceiros

Segundo informações recentemente reveladas pelo Citi Securities, o futuro carro elétrico da Apple vai beneficiar bastante os fabricantes asiáticos. Tudo porque estas empresas podem ser os principais beneficiários de todas as oportunidades de negócio que o veículo de Cupertino pode trazer consigo.

Esta notícia torna-se especialmente relevante, se tivermos em conta que a China e os Estados Unidos da América mantêm um vigoroso braço de ferro, em tudo o que é questão comercial. E aparentemente uma empresa norte-americana com a dimensão da Apple, pode beneficiar mais as empresas em território asiático do que em território nacional.
De acordo com o Citi Securities, a Apple vai desenvolver o seu veículo elétrico dentro de um de dois cenários. No primeiro caso, a empresa de Cupertino poderá desenvolver o veículo através de empresa de terceiros, à semelhança do que acontece com o iPhone 13.

Já no segundo cenário, a Apple poderá concentrar os seus esforços no desenvolvimento do seu ecossistema CarPlay. Mas em ambos os cenários, a presença de fabricantes asiáticos é um ponto em comum, sendo que no primeiro caso a taxa média anual de crescimento para essas empresas pode ser de até 15% até 2025 e no segundo cenário, um aumento de 2% na receia.

Mercado dos carros elétricos avaliado em 10 biliões de dólares

Ainda segundo a mesma fonte, a Apple pode beneficiar mais se optar pelo cenário número um. Tudo porque a empresa de Cupertino tem já um enorme know how em entregar a sua produção a terceiros e tirar proveito disso – ainda que a produção de smartphones e carros elétricos seja completamente diferente.

Mas é tudo uma questão de números. É que se a Apple entregar a produção do seu carro elétrico a terceiros, pode rapidamente atingir a meta de um milhão de carros produzidos por ano.

E continuando a fazer contas, é necessário considerar que o mercado dos carros elétricos tem um valor 10 biliões de dólares, aproximadamente mais de oito biliões de euros. Com estes números, a Apple não vai hesitar em produzir o maior número possível de unidades do seu carro elétrico, seja em território nacional ou não.

Editores 4gnews recomendam:

Mónica Marques
Mónica Marques
Como jornalista de tecnologia assistiu à chegada do 3G e outros eventos igualmente inovadores no mundo hi-tech ao longo de mais de 20 anos de carreira.