BlackBerry Facebook WhatsApp Instagram
A tecnológica canadiana afirma que várias das suas patentes foram violadas pelos serviços de mensagens do Facebook

A BlackBerry, fabricante de dispositivos móveis Android e várias soluções de software acaba de processar a empresa Facebook. Processa também as suas subsidiárias, a Instagram e a empresa Whatsapp. A empresa canadiana afirma que rés terão violado várias patentes e propriedade industrial da primeira.

Seja na forma como na função, várias patentes detidas pela BlackBerry, agora parte integrante da chinesa TCL (tal como a Alcatel), terão sido violadas. As culpadas terão sido as soluções e serviços de mensagens providenciados pela Whatsapp e Instagram, ambas as empresas pertencentes à Facebook Inc.

Vê ainda: Xiaomi Mi Mix 2S competirá pela melhor foto com o Huawei P20

As queixas da BlackBerry têm várias e profundas implicações no ecossistema das aplicações de mensagens. Mais ainda, cobrem um grande número de características e funcionalidades que se estreariam no serviço BlackBerry Messenger. Entretanto, estas mesmas características seriam copiadas em praticamente todos os mensageiros atuais.

Apesar de um grande número de aplicações ter violado as patentes desta empresa, a escolha do Facebook e das suas subsidiárias Whatsapp e Instagram não é um mero acaso. Tendo em conta a sua imensa popularidade, ambas terão crescido e lucrado imenso com as tecnologias e ideias patenteadas pela BlackBerry. Ao mesmo tempo, os serviços e produtos da BlackBerry iam perdendo clientes…

Whatsapp e Instagram processadas pela BlackBerry

Entre as várias queixas e acusações da BlackBerry ao Whatsapp e Instagram estão os crachás de notificações. Os sinais de alerta quando recebes uma nova mensagem. Esta função tornou-se popular no serviço BBM e entretanto todas as concorrentes implementariam o mesmo procedimento. Agora, sempre que recebes uma mensagem, seja no Facebook Messenger ou no Whatsapp e Instagram também recebes um alerta visual e sonoro. Recebes também uma indicação da hora e data em que X mensagem foi recebida.

Facebook detém o Instagram e o WhatsApp

WhatsApp Instagram BlackBerry Facebook Messenger 2018
A popularidade dos serviços detidos por Mark Zuckerberg é enorme.

Entre o rol de queixas temos também algumas mais questionáveis. Por exemplo, a BlackBerry acusa a Whatsapp e Instagram (e consequentemente o Facebook) que identificar pessoas e amigos nas fotos era uma ideia sua. Sim, a empresa canadiana afirma ter criado a ideia de identificar as pessoas nas fotos que colocas nas redes sociais.

Esta característica ter-se-á tornado popular depois de o Facebook a implementar e desde então explodiu em popularidade. Outra das características e patentes que a BlackBerry afirma ter sido violada é a encriptação de dados nas mensagens enviadas.

Aqui, apesar de o BBM ser inicialmente a aplicação mais popular para encriptar as conversas, depois de Edward Snowden ter alertado o público, não faltaram concorrentes a providenciar esta encriptação. Todavia, mesmo antes de o BBM se ter tornado popular já existiam alternativas que faziam exatamente isso, seja através de dispositivos móveis ou via PC.

Por último, o Facebook também acusa a BlackBerry, neste caso de abusar das patentes ou de alegar ter mais patentes do que realmente tem. Acusa a marca de “agora que abandonou os seus esforços para inovar, procura taxar os demais”. O caso ainda agora começou.

Assuntos relevantes na 4gnews:

Xiaomi Mi Mix 2S competirá pela melhor foto com o Huawei P20

HuaweP20. Vem aí a Monocelha e 3 câmaras para estes Huawei

Samsung premeia os atletas para-olímpicos com um Galaxy Note 8

Fonte | Via 

Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).