Atenção: Milhões de contas do Facebook voltam a ser expostas!

Vitor Urbano

Durante os últimos meses, o Facebook passou basicamente a ser um sinónimo de 'falhas de segurança' ou 'problemas de privacidade'. Por isso, não é com grande surpresa que vemos ser descoberta mais uma base de dados pública onde foram armazenados detalhes de milhões de contas.

A descoberta foi feita pela UpGuard, que revelou ter encontrado mais de 146GB de informação referente a utilizadores do Facebook. O mais grave é que toda esta informação estava armazenada num dos servidores da Amazon, sem qualquer tipo de proteção.

Facebook

Entre o variado tipo de informação presente nesta base de dados, os investigadores encontraram milhares de passwords, fotografias, comentários, likes, Facebook IDs, entre outros. Na sua essência, continha todo o tipo de informação que torna a rede social valiosa.

Facebook volta a colocar milhões de utilizadores vulneráveis a ataques de hackers

Como seria de esperar, um representante do Facebook já publicou um comentário oficial sobre este incidente. Relembrando que as políticas da rede social proíbem claramente o armazenamento de informação em bases de dados públicas. Realçou ainda que assim que foram alertados para a situação, rapidamente entraram em contacto com a Amazon para que as ditas bases de dados fossem removidas.

De acordo com a UpGuard, todas as informações encontradas foram recolhidas por duas aplicações, Cultura Colectiva e At the Pool. Ambas foram contactadas previamente, mas acabaram por não responder aos contactos da empresa e não tomaram nenhuma medida para garantir a segurança daquelas informações.

Curiosamente, no caso da aplicação At the Pool, a empresa responsável pela aplicação sessões funções em 2014, deixando ainda assim todas estas informações acessíveis para qualquer pessoa.

segurança facebook

Ainda que seja responsáveis de forma 'passiva', estes milhões de dados expostos acabam por não ser diretamente culpa do Facebook. Antes do grande escândalo da Cambridge Analytica, a rede social era demasiado liberal no que respeita ao tipo de informação que partilhava com as empresas. Embora já tenha alterado a sua posição, os dados partilhados até então, continuam a estar presentes na internet.

Uma vez mais, se continuas a ter uma conta no Facebook, certifica-te que essa password não é sequer semelhante a qualquer outra das tuas passwords. Além disso, não perdes nada em alterar a password de forma regular. Afinal de contas, mais vale prevenir que remediar.

Editores 4gnews recomendam:

Fonte

Vitor Urbano
Vitor Urbano
Sempre de mão-dada esteve a tecnologia, o desporto e o mundo gaming. Por isso, se não estiver a escrever sobre o que de novo há no mundo da tecnologia, o mais provável é estar a jogar uma partida de Ultimate Team no FIFA 19.