Atenção! Lê isto antes de comprar o Xiaomi Redmi K40 Gaming Edition vindo da China

Bruno Coelho
Comentar

Esta semana a submarca da Xiaomi lançou o Redmi K40 Gaming Edition. Como o próprio nome indica, trata-se de um smartphone vocacionado para o público gaming, com o preço-qualidade que caracteriza a fabricante.

O equipamento até pode vir a ter uma versão global com outro nome, mas com um preço inicial em torno dos 260 € na China, pode tornar-se atrativo para alguns consumidores ocidentais. Mas há algo a ter em conta antes de pensares em comprar o smartphone por essa via.

Xiaomi Redmi K40 Gamiing não suporta instalação de serviços da Google

A plataforma Gizmochina já terá recebido o equipamento em primeira mão, e confirmam-se as promessas da Xiaomi. O Redmi K40 Gaming Edtion chega sem suporte para instalação dos Google Mobile Services (serviços Google).

Diferença entre Redmi K40 (suporta GMS) e o novo K40 Gaming Edition (não suporta GMS). Crédito: Gizmochina
Diferença entre Redmi K40 (suporta GMS) e o novo K40 Gaming Edition (não suporta GMS). Crédito: Gizmochina

É importante realçar que a Xiaomi anunciou em fevereiro que no futuro, smartphones com a ROM chinesa da MIUi deixariam de suportar os Google Mobile Services. E a instalação da MIUI 12.5 também remove essa opção de modelos mais antigos.

O caso do Redmi K40 Gaming Edition é taxativo. O equipamento chega aos consumidores com a referida MIUI 12.5 e, como tal, sem os ficheiros necessários para a instalação dos chamados GMS.

redmi

Tal como a fonte refere, esta situação pode mudar no futuro com uma atualização. Até porque a Xiaomi afirmou que poderia adicionar esse suporte, mediante a procura dos utilizadores.

Por enquanto parece ser assim ser de evitar comprar o Redmi K40 Gaming Edition a partir da China. De recordar que o smartphone pode ser lançado nos mercados globais sob o nome POCO F3 GT.

Editores 4gnews recomendam:

Bruno Coelho
Bruno Coelho
O Nokia 3650 foi o primeiro grande mergulho no mundo tecnológico. Se o Football Manager e o cinema são dois dos seus escapes, o Macbook Pro é o melhor amigo. Escrever sobre tecnologia é o processo natural na vida de alguém que come especificações ao pequeno-almoço.