Asus ZenFone 7 e ZenFone 7 Pro lançados globalmente: este é o seu preço

Bruno Coelho
1 comentário

Na última semana a Asus lançou finalmente os ZenFone 7 e ZenFone 7 Pro. Este foi apenas um lançamento no seu mercado interno, em Taiwan, e a marca trouxe agora os equipamento de forma global, revelando o seu preço.

Segundo o que é avançado pela fabricante, o ZenFone 7 vai ter um preço inicial de 699€ na Europa. Já o modelo Pro, vai começar nos 799€. O grande ponto de destaque destes equipamentos está na câmara rotativa.

Preços dos Asus ZenFone 7 e ZenFone 7 Pro na Europa:

  • Asus ZenFone 7 com 8GB/128GB – 699€
  • Asus ZenFone 7 Pro com 8GB/256GB – 799€

É de referir que, embora por fora pareçam iguais, os dois modelos têm algumas diferenças que podem ser decisivas para alguns consumidores. O modelo mais potente tem o Snapdragon 865+ (ao invés do SD865), e o modelo mais barato carece de estabilização ótica de imagem nas suas câmaras principais e telefoto.

Asus ZenFone 7 Pro promete ser o novo rei das selfies

Este é um terminal que promete ser o verdadeiro rei das selfies. Graças ao mecanismo rotativo, as suas três câmaras traseira podem rodar e ser também câmaras frontais.

Desta vez a Asus fez também a aposta firme de ter um ecrã AMOLED com 90Hz. No entanto, o equipamento não tem carregamento sem fios ou certificação IP68, importantes para muitos utilizadores nesta faixa de preço.

Queremos em breve saber mais sobre este smartphone, e espera-se que a Asus o possa disponibilizar mais abertamente aos consumidores portugueses. O ZenFone 6 não era um smartphone propriamente fácil de comprar no nosso país, e esperamos que isso mude nestes novos modelos.

Editores 4gnews recomendam:

  • Este smartphone dobrável seria um verdadeiro sonho (patente)
  • Google Maps fica mais completo com esta novidade 'colorida'
  • Apple iPad: novo rumor mostra mudança de design difícil de acreditar
Bruno Coelho
Bruno Coelho
Vive entre a paixão pela escrita, a música e a tecnologia. Licenciou-se em Ciências da Comunicação na Universidade da Beira Interior em 2015, e fez parte da equipa que fundou o Jornal de Belmonte. Produziu vários podcasts independentes pelo caminho. Come especificações ao pequeno-almoço.