Asus Zenfone 4 Max
Asus Zenfone 4 Max

A Asus tem investido imenso em fazer chegar os novos Asus ZenFone 4 ao mercado, mas as coisas parecem não estar a correr da melhor forma. Tendo recentemente apresentado o ZenFone 4 Max, a empresa de Taiwan deverá ainda juntar mais quatro variantes quarta geração de smartphones Asus.

Más notícias vêm a partir daqui. De acordo com novas informações, os novos Asus ZenFone 4 não deverão chegar às prateleiras das lojas antes de agosto. Tendo inicialmente estado previsto o lançamento de toda a linha para o passado mês de abril, o atraso estende-se a já quatro meses, o que dificultará nos resultados de vendas desta gigante do mercado no terceiro trimestre de 2017.

Vê ainda: Samsung Galaxy A5 (2017): Nova atualização, melhor performance

   

Se a tarefa da Asus já é complicada, mais ainda fica quando olhamos à competição que os seus disposítivos terão. Basta olhar para o já apresentado ZenFone 4 Max. Sendo este um terminal gama-média mais direcionado para o mercado asiático, este terá como concorrência terminais como o HTC U11, o Oppo R11, o Vivo X9s Plus e o Xiaomi Mi Max 2, sendo que estes três últimos deverão dominar o mercado local.

E mesmo olhando aos ZenFone 4 de gama-média/alta, a tarefa não será fácil. Os principais concorrentes levam já vantagem, estando o OnePlus 5 e o Honor 9 lançados e prontos a chegar ao mercado, o que dificultará ainda mais o impacto que a Asus quererá ter.

O Asus ZenFone 4 Max foi o primeiro de 5 smartphones a serem apresentados desta nova linha

Ora, setembro é mês de IFA 2017, um evento que terá grandes nomes a apresentar potenciais grandes produtos. Entre eles estarão Samsung, Huawei, Lenovo e HMD Global, pelo que vários serão os terminais a chegar ao mercado no próximo Outono e a dificultarem o trabalho da Asus com os seus ZenFone 4.

Esta é a segunda vez que a Asus tem problemas em trazer ao mercado os seus terminais em massa. A primeira foi no ano passado, quando no ano passado houve um atraso com os ZenFone 3, que acabaram por serem lançados apenas 10 milhões de unidades, quando na verdade o objetivo da empresa passava por vender 25 milhões ainda em 2016.

Será que este atraso vai prejudicar a Asus? Deixa nos comentários a tua opinião e continua a seguir a 4gnews para mais novidades.

Outros temas relevantes:

Gretel S55 é oficial: Mais um smartphone com câmara dupla

Nokia 3310 – Review / Análise – Somente Nostalgia

Nokia apresentará mais 4 smartphones em 2017 | Nokia 2, 7, 8 e Nokia 9