Apple Watch Series 3 tem LTE mas não esperes ficar feliz quando viajares!

Filipe Alves
Apple Watch Series 3 tem LTE mas não esperes ficar feliz quando viajares!
Este é o novo Apple Watch Series 3

O Apple Watch Series 3 foi revelado oficialmente com o Apple iPhone 8 e iPhone X. O novo smartwatch da empresa de Cupertino dá-nos basicamente o mesmo design dos antecessores, contudo, com características a ter em conta para alguns utilizadores.

Para além de um melhor processador que fará do WatchOS 4 voar, o novo relógio inteligente da Apple oferece ainda uma variante com LTE, ou seja, conexão para chamadas e trafego de dados.

Vê ainda: Apple iPhone X: Estou desiludido mas também entusiasmado para o ter

Com o novo Apple Watch Series 3 versão LTE não precisarás do iPhone contigo para ouvir uma boa quantidade de músicas no Apple Music, nem precisarás do smartphone para fazer ou receber chamadas.

Este novo smartwatch incluí uma antena no ecrã do dispositivo e em conjunto com um plano de dados de uma operadora móvel conseguirás efectuar as comunicações necessárias.

Até aqui tudo muito bonito, mas se decides viajar para um outro país verás que não será assim tão útil. De acordo com as informações, o novo Apple Watch Series 3 não conseguirá incluir Roaming nos tráfego de dados, pior do que isso, mesmo na Europa, onde já não existe Roaming, continuará a não funcionar noutro país de compra.

Se pensas ainda em comprar um Apple Watch Series 3 LTE na tua ida aos EUA só porque é mais barato, fica também a saber que modelos da América não funcionarão na Europa e vice-versa.

Apple Watch Series 3 com LTE não terá funcionalidade de Roaming

O utilizador Reddit "learnjava" aprendeu esta informação quando decidiu retirar estas dúvidas com o serviço ao cliente da Apple. A resposta foi a seguinte:

"O relógio não suporta roaming. Em absoluto. Para os europeus, isto significa que funcionará apenas no seu país, mesmo após a recente lei (junho) sobre a liberdade de roaming europeu." - Referiu learnjava no Reddit.

"Não há forma de um relógio europeu funcionar nos EUA. O hardware pode suportar bandas idênticas (mas, mesmo assim, é diferente do que estamos habituados dos iPhones). Mas o representante do serviço disse-me que não é claro quando e se será possível mudar isso. Poderá ser uma limitação de hardware." - concluiu.

Embora não seja uma preocupação para utilizadores de Portugal ou Brasil, visto que o relógio com LTE ainda não tem data de chegada por falta de acordos com companhias móveis, é importante que fiques atento, principalmente se este relógio fosse relevante para ti.

Outros assuntos relevantes:

Samsung Galaxy A5 (2017) e A7 começam a receber Android Nougat

ExpensiveWall – novo Malware já terá infetado milhões de Android’s

Apple iPhone X: Este é o verdadeiro custo de produção!

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.