Apple: utilizadores do novo iPad Pro terão de comprar um novo teclado

Carlos Oliveira
Comentar

Foi na passada terça-feira que a Apple apresentação a nova geração iPad Pro. O grande destaque recaiu na inclusão do processador M1 no interior destes tablets e na adoção da tecnologia mini-LED no ecrã do modelo de 12,9" polegadas.

É precisamente sobre este modelo maior que recai a novidade que agora damos a conhecer. Conforme aponta a publicação iGeneration, o novo iPad Pro de 12,9" polegadas não será compatível com os atuais modelos do Magic Keyboard.

Novo IPad Pro é mais grosso, por isso, não funciona com os Magic Keyboard antigos

Se já tens um Magic Keyboard por casa e estavas a pensar utilizá-lo com o novo iPad Pro de 12,9" polegadas, estas são más notícias para ti. Sabe-se agora que este modelo não é compatível com as gerações anteriores deste teclado.

iPad Pro

A razão para tal é o facto de o novo iPad Pro de 12,9" polegadas ser 0,5mm mais grosso que as gerações anteriores. Uma diferença de espessura marginal, a olho nu, mas que fará toda a diferença quando acoplado a esses teclados.

O facto de o novo iPad Pro ser mais espesso fará com que o teclado não consiga fechar perfeitamente. Por isso, os utilizadores do novo tablet da Apple serão obrigados a comprar o novo modelo do Magic Keyboard, que lhes custará mais €339.

Não obstante, aqueles que optarem pelo modelo de 11 polegadas não sofrerão com este problema. Esta versão do novo tablet da Apple não conta com diferenças estruturais, conferindo-lhe a desejada compatibilidade com acessórios anteriores.

Pela primeira vez temos um iPad Pro com processador M1

Este promete ser um salto impressionante face às gerações anteriores. O iPad Pro já é tido como um tablet muito potente, mas com a inclusão do SoC M1 esse poder deverá ser ainda mais impressionante.

Estamos a falar do mesmo processador que equipa o MacBook Air e o MacBook Pro de 13" polegadas. É também o mesmo processador que a Apple colocou na nova geração iMac.

Pelo que já vimos nos portáteis acima referidos, este SoC M1 é uma autêntica besta de desempenho. Porém, coloca-se a questão do quanto realmente necessitamos de tanto poder de processamento num tablet.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.