Apple seguirá (novamente) as pisadas da Huawei nos iPhones de 2020

Filipe Alves
Comentar

Já não é a primeira vez que vemos a Apple a seguir as pisadas da Huawei. As câmaras duplas do iPhone 7 Plus criaram algo idêntico ao que a Huawei tinha vindo a fazer deste o Honor 6 Plus (2014) e os novos iPhones de 2019 terão uma ideologia de design traseiro que seguirá as linhas dos Mate.

Ou seja, a Huawei já não é apenas "mais uma marca" para a Apple. Ao que parece é o exemplo a seguir no setor fotográfico. Ontem o conhecido analista Ming-Chi Kuo, que já se revelou correto inúmeras vezes, referiu que os iPhones de 2020 chegariam com 5G e hoje apontou mais uma característica já vista nos Huawei.

Huawei P30 Pro

Câmara ToF é a próxima implementação da Apple

A previsão de Ming-Chi Kuo refere que a Apple dar-nos-á dois modelos com câmaras ToF (time of flight). Assim sendo, podemos presumir que será o iPhone 11S e 11S Max.

O sensor ToF é importantíssimo para os objetivos da Apple com a Realidade Aumentada. Este sensor é relevante para fotografias de modo retrato mas ainda mais importante para Realidade Aumentada.

O que faz o sensor ToF

O sensor ToF, que podemos ver no Huawei P30 Pro, por exemplo, mede a distância entre o smartphone e o objeto a fotografar. Com esta medição mais precisa as fotografias acabam por nos oferecer ainda mais qualidade no "modo retrato" com o desfocar do fundo.

Ainda que pouco implementado pela Huawei, este sensor ajuda a que o smartphone "veja melhor o mundo". Ou seja, consegue perceber mais facilmente a profundidade do que "está a ver". Dessa forma ajustar mais corretamente os objetos criados em Realidade Aumentada.

Ainda que estas sejam apenas previsões, o analista Ming-Chi Kuo já mostrou que raramente falha e, honestamente, parece uma jogada previsível. Até porque a Huawei está a dar 15 a 0 à Apple no que toca a fotografia.

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.