Apple patenteia forma de aumentar a resistência de um ecrã dobrável

Carlos Oliveira

A era dos smartphones dobráveis chegou e as empresas estão cada vez mais interessadas em investir nesta tecnologia. Por conseguinte, marcas como a Samsung ou Huawei já se aventuraram no mercado. Resta-nos saber se também a Apple irá seguir o mesmo caminho.

Certo é que, no mínimo, a empresa de Cupertino está a investigar este nicho de mercado. Prova disso é a sua recente patente que nos mostra uma nova tecnologia para tentar aumentar a resistência dos ecrãs deste tipo de dispositivos.

Apple

Um dos senãos deste tipo de equipamentos é a durabilidade do seu ecrã. O facto de estarmos sempre a dobrá-lo e desdobrá-lo levanta alguns preocupações em termos de resistência deste material. Um cenário que é ainda pior em ambientes onde as temperaturas são mais baixas.

Apple apresenta uma solução para uma maior durabilidade dos smartphones dobráveis

Assim sendo, a empresa de Cupertino acaba de patentear uma nova forma de tentar contornar este inconveniente. Em síntese, a ideia é aquecer a região do ecrã que dobra, por forma a tentar fazer deste material mais maneável.

Para o efeito, a Apple propõe duas abordagens. Em primeiro lugar, pode incluir-se um série de sensores no dispositivo por forma a controlar a temperatura do ecrã. Uma vez que este fique demasiado frio, os componentes de uma área especifica serão aquecidos.

Todavia, a inclusão de todos estes componentes poderá aumentar em demasia a espessura do equipamento. Como medida suplente a Apple propõe a utilização do nível do brilho do ecrã como solução.

Este conceito de iPhone dobrável é um Galaxy Fold com iOS

Com efeito, quando as temperaturas forem demasiado baixas, o nível de brilho do ecrã aumentaria com o intuito de aquecer este componente. Algo que seria automaticamente revertido assim que as temperaturas atingissem níveis aceitáveis.

Não é incomum a Apple patentear várias tecnologias ao longo da sua laboração. Isto demonstra que o seu departamento de pesquisa e desenvolvimento se encontra ativo. No entanto, nada nos garante que a mesma venha a ter aplicação prática.

Aliás, a incursão da empresa de Cupertino neste nicho de mercado ainda não é certa. Não temos qualquer declarar de intenção oficial da Apple para apostar nos smartphones dobráveis, embora um dos seus fundadoras queira mesmo um equipamento desses.

Editores 4gnews recomendam:

Co-Fundador da Apple refere “Quero mesmo um smartphone dobrável”

Apple Watch representa metade do mercado global de smartwatches

Huawei Mate X era suposto ser mais parecido com o Galaxy Fold

Fonte | Via

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.