Apple recusa garantia a um iPhone XS depois de submergido em água

Carlos Oliveira
Comentar

A temática dos smartphones "à prova de água" tem mais um novo capítulo que deve servir de alerta a muitos utilizadores. Desta feita, a história envolve um iPhone XS depois de o seu utilizador o ter submergido em água para fazer uma filmagem.

Segundo o queixoso, a Apple recusou ativar a garantia do equipamento que havia sido comprado há menos de dois anos. Isto mesmo que o dispositivo tenha a certificação IP68 contra água e poeiras.

O lesado afirma que os problemas começaram depois de uma curta filmagem de 2 minutos debaixo de água, a uma profundidade de 10 centímetros. Posto isto, o seu iPhone XS começou a aquecer demasiado, chegando ao ponto de não ligar mais.

iPhone

Dirigindo-se a uma loja de reparações da Apple, os técnicos afirmaram que a anomalia se devia ao contacto da motherboard do equipamento com a água. Em resultado, esse componente terá ficado queimado.

Utilizador terá de pagar 560€ se quiser reparar o seu iPhone XS

Feita a avaliação do equipamento, a loja apresentou uma conta de cerca de 560€ ao utilizador, caso este queira reparar os danos no seu iPhone XS. Isto porque a loja da Apple diz que o equipamento não será coberto pela garantia.

O problema é que o equipamento foi submergido em água do mar. De acordo com a Apple, a elevada densidade da água salgada faz com que a mesma consiga entrar no equipamento.

Visto que a conta foi originalmente partilhada em Yuan´s, isto indica-nos que tudo terá acontecido na China. Nesse país, as garantias são normalmente de um ano, o que pode ajudar a explicar o porquê de a loja ter recusado a garantia do equipamento.

Em todo o caso, a submersão de qualquer equipamento tecnológico em água salgada é repetidamente desaconselhada. Até mesmo em equipamentos com certificação IP68, como é o caso do iPhone XS.

Editores 4gnews recomendam:

Carlos Oliveira
Carlos Oliveira
Tendo já passado por várias casas, a 4gnews é aquela que me segura desde 2015. Com um desejo insaciável de me manter atualizado tecnologicamente, a partilha desse conhecimento é apenas o seguimento natural das coisas.