Apple obrigada a informar utilizadores ao alterar o desempenho de iPhones antigos

Filipe Alves
Comentar

Há uns tempos descobrimos que a Apple alterou significativamente o desempenho de iPhones mais antigos de forma a "oferecer mais bateria". Contudo, muitos utilizadores acreditavam que estas mudanças eram um incentivo da empresa para que vendessem novos produtos.

Depois de longas batalhas no tribunal devido a esta situação o Reino Unido finalmente obrigou a empresa de Cupertino a informar todos os utilizadores caso a empresa decida voltar a fazer algo idêntico no futuro. Infelizmente não temos ideia se Portugal seguirá o mesmo caminho. Lembro que a Apple esteve em tribunal nos EUA, França, Reino Unido e Itália devido a este problema.

Apple iPhone 6S

Futuro iOS 13 deverá ser a solução para este problema

O sistema que a Apple revelará no dia 3 de junho na sua conferência para desenvolvedores (WWDC), iOS 13, deverá trazer uma solução para este problema. Rumores indicam que o novo sistema vai ter informação mais detalha sobre a bateria e sobre o desempenho do equipamento.

Isto para que os utilizadores não tenham mais por onde reclamar face à situação. A verdade é que o problema foi levado de forma séria com os utilizadores a levantar questões sobre a integridade da empresa americana.

A Apple ainda deu a possibilidade de trocar a bateria de iPhones mais antigos por 30€ (valor normal é de 70€) de forma a compensar os utilizadores. Uma ação que levou muitos utilizadores à loja da empresa de Cupertino mas que não os safou do pensamento negativo da empresa.

A solução para o problema

O Reino Unido decidiu ontem oficializar a proposta de lei que obriga a Apple a dizer aos seus utilizadores de forma clara que vão reduzir o desempenho do seu iPhone (seja numa atualização ou não) de forma a conseguir dar mais vida à bateria do equipamento. Algo que devia ser feito em todo o mundo e não apenas no Reino Unido.

Porém, devido a este enorme problema e à publicidade negativa que rondou a marca da maçã trincada, acreditamos plenamente que o próximo sistema iOS 13 os venha a salvaguardar de problemas idênticos no futuro. A Apple não é uma empresa perfeita, mas raramente comete duas vezes o mesmo erro.

Editores 4gnews recomendam:

Comentar
Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.