Apple quer fazer dos seus 'Mapas' a escolha dos utilizadores de iPhone

Pedro Henrique

Xiaomi Mi 8 Apple iPhone X Plus iPhone 8 Plus iOS Apple MapsApple Maps nunca foi algo que os utilizadores preferissem face a tudo o resto nos seus Apple iPhone. O iOS sempre teve aplicações que chegasse para que se pudesse decidir qual aquela que melhor fazia o seu trabalho.

De facto, durante muito tempo, quem o fez foi o Google Maps. Era esse o serviço de mapas que os Apple iPhone tinham como aplicação pré-definida. Entretanto, a empresa de Cupertino lançou a sua própria app dedicada a mapas, mas nem tudo correu como previsto.

Vê ainda: Nova patente do Facebook leva-nos a questionar se nos estão a ouvir

Durante muito tempo, o Apple Maps não foi, nem de perto nem de longe, algo que grande parte dos utilizadores considerasse capaz de concorrer com os da Google. No entanto, a empresa norte-americana está comprometida a alterar essa realidade.

Com efeito, já começou a preparar algo que chegará com o iOS 12. Há quatro anos que a empresa de Cupertino corre o mundo com os seus próprios recursos para que possa, a seu tempo, criar aquela que será a melhor aplicação de mapas já conhecida.

Os iPhone receberão os novos Mapas com o iOS 12...

Aliás, é isso que a Apple costuma fazer quando se compromete seriamente com algo. Ou seja, o melhor. Todavia, as novidades apenas integrarão a app na Califórnia. Pelo menos, para já.

Entretanto, o mesmo deverá acontecer no resto do mundo como o passar do tempo. Nomeadamente, no ano seguinte. Até lá, há que aguardar para se perceber qual o feedback daqueles que experimentarem as novidades.

Fica, por isso, atento(a) às notícias aqui, em 4gnews.pt, para que não percas nenhum detalhe acerca de tudo aquilo que é a tecnologia falada em português.

Assuntos relevantes na 4gnews:

FRAG é o próximo concorrente de Fortnite e PUBG para Android e iOS

Google Maps está prestes a adicionar uma característica fantástica

Galaxy X: Samsung começa a trabalhar no ecrã do smartphone dobrável

Fonte

Pedro Henrique
Pedro Henrique
Fã incondicional de tecnologia e cultura quer partilhar o conhecimento adquirido com todos.