Apple-iPhone-catches-fire-burns-teenager.jpg-3Um Apple iPhone  provocou queimaduras de terceiro grau num jovem canadiano de 16 anos enquanto carregava o smartphone. O jovem, que preferiu permanecer anónimo, estava a usar um carregador que não o oficial da Apple quando o incidente ocorreu.

Este incidente não é caso único e certamente não será o último, já vimos um bom número de smartphones a explodir, incendiar ou electrocutar os seus respectivos donos enquanto estavam ligados à corrente ou simplesmente a ser transportados no bolso e, apesar de na maioria dos casos, o uso de acessórios não oficiais ser o culpado, por vezes basta um pequeno defeito no isolamento da bateria para gerarmos um cocktail potencialmente mortífero de químicos voláteis.

Por vezes o barato sai caro, os carregadores “dos chineses” ou de qualquer fornecedor que não o oficial, nem sempre cumprem os padrões de segurança ou utilizam os critérios específicos da marca e, com um pouco de azar, temos o desastre a bater à porta.

   

Este incidente com o iPhone  ocorreu no passado domingo na cidade de Alberta, Canadá onde um jovem de 16 anos acordou por volta da meia noite aos gritos no seu quarto devido ao fogo que já se alastrava pela sua cama e mobília. Felizmente o incêndio foi contido rapidamente e os danos não foram avultados.

Após investigação das causas que deram origem ao incêndio parece que o culpado foi o carregador que tinha sido comprado numa loja de conveniência das bombas de gasolina e claro que apesar de bem mais barato do que o carregador oficial do iPhone , os resultados estão à vista e não são nada bonitos de se ver.

Em suma, se possível evitem de todo os acessórios não oficias, sobretudo os que envolvam transferência de energia eléctrica.

Talvez queiras ver: