Apple sofrerá uma quebra nas vendas dos seus Apple iPhone em 2019

Rui Bacelar
Apple iPhone Xr iOS CNET
A tecnológica de Cupertino enfrentará períodos de estagnação segundo este analista.©CNET

A tecnológica de Cupertino não conseguiu atingir as suas expectativas iniciais para o volume de vendas do Apple iPhone XR. Todavia, a fabricante norte-americana tentou refutar essas alegações, ainda que não tenha convencido os analistas de mercado.

Entretanto vimos também esta empresa a dar bastante ênfase ao produto em si, colocando-o na linha da frente e nas suas prioridades para o Natal. Todavia, para os analistas de mercado, a popularidade dos modelos mais antigos afetará o volume de vendas da nova geração.

Vê ainda: Samsung derrapa no segmento de gama média face à Xiaomi e OnePlus

Aliás, a isto se juntará toda a conjuntura de mercado, enfrentando este uma severa recessão desde o início de 2018. Por conseguinte, também a Apple poderá sentir uma quebra no volume de vendas durante o primeiro trimestre de 2019 e não só...

Apple poderá enfrentar uma quebra nas vendas durante o primeiro trimestre 2019

Agora, vemos o famoso analista de mercado, Ming-Chi Kuo, a expressar as suas previsões em torno da fabricante de Cupertino. Este ex-analista da agência KGI Securities volta a afirmar que as vendas do Apple iPhone XR estão a desapontar. Aliás, voltou mesmo a diminuir as suas estimativas de vendas para a Apple durante todo o primeiro trimestre de 2019. Algo que poderá afetar o volume de vendas da marca durante todo o ano.

Apple iPhone XR iOS 12
Esta é a mais recente aposta da tecnológica norte-americana, o XR.

As suas estimativas foram divulgadas em primeiro lugar na publicação 9To5Mac e voltam a frisar esta percepção negativa. Em suma, os Apple iPhone já não estão a vender como antigamente, sobretudo os modelos mais recentes.

O Apple iPhone XR não estará a ser tão procurado como o previsto

Ming-Chi continua a ser um dos analistas mais respeitados no que às previsões alusivas à Apple diz respeito. Nesse sentido, esta entidade prevê um ciclo de quebra no volume de vendas para fabricante de Cupertino que se pode arrastar durante todo o ano de 2019.

As causas para tal repousam sobretudo na manutenção por períodos cada vez mais alargados dos smartphones em utilização. Paralelamente os modelos de iPhone mais antigos continuam a ser muito procurados.

Olhando para as suas previsões, em primeiro lugar Kuo aponta 188 a 194 milhões de iPhones vendidos durante todo o ano de 2019. Estimativa abaixo do volume de vendas previsto para este ano de 2018, rondando os 210 milhões de smartphones iOS.

Em suma, este analista aponta 15 milhões de unidades do iPhone XR vendidos durante o primeiro trimestre de 2019. Nesse sentido temos aqui uma diminuição face à estimativa anterior de 25 milhões de unidades vendidas.

Numa última nota, só com a publicação do relatório oficial da Apple é que poderemos confirmar ou desmentir estas previsões.

Editores 4gnews recomendam:

OnePlus 6 aparece com a ROM MIUI 10 do Xiaomi Mi Mix 3 instalada

Huawei ignora o clima de desconfiança e luta pela autossuficiência

Proibição do iPhone na China trará consequências irreparáveis

Fonte | via

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Na escrita e comunicação repousa o gosto, nas leis a formação. É na tecnologia que encontrou o seu expoente máximo e na 4gnews a plataforma ideal para a redação e produção de vídeo.