DriveSavers. Empresa afirma conseguir aceder a qualquer Apple iPhone

Rui Bacelar
DriveSavers localização apps Apple Xiaomi Android Samsung Huawei Xiaomi Apple iPhone X Samsung Galaxy S9 Huawei P20 Apple iPhone X
A tecnológica de Cupertino sempre se orgulhou da segurança dos seus terminais. ©Reuters

A fabricante norte-americana sempre se orgulhou da segurança dos seus equipamentos e, por conseguinte, da privacidade dos seus utilizadores. Todavia, continuam a fazer sentir-se o braço de ferro entre a Apple e várias entidades que tentam desbloquear qualquer Apple iPhone. Chama-se DriveSavers e afirma ter uma taxa de sucesso de 100%.

Em suma, temos agora mais um capítulo da saga que contrapõe a Apple, os seus iPhone e as forças policiais e entidades estatais. De um lado temos a luta pela manutenção da privacidade dos equipamentos e do outro a prossecução da justiça.

Vê ainda: Jump Force – Goku, Naruto e um resumo de todas as novidades

E se até agora a Apple tem conseguido impedir que os seus iPhone sejam desbloqueados por toda e qualquer entidade, temos agora más notícias. Segundo nos conta a BGR, entre outras fontes, a empresa DriveSavers garante conseguir desbloquear qualquer iPhone.

Esta tensão tem-se sentido nos Estados Unidos da América onde a Apple tem conseguido manter os seus iPhone's incólumes. Tudo isto em nome da manutenção da privacidade dos respectivos utilizadores, mantendo assim intacta a reputação do sistema iOS.

Chama-se DriveSavers e afirma conseguir desbloquear qualquer Apple iPhone

Nesse sentido, se até agora a Apple evitou em diversas instâncias que as forças policiais acederem a vários iPhone's, agora a tecnológica enfrenta um novo desafio. Isto é, a empresa DriveSavers afirma que consegue desbloquear qualquer Apple iPhone e, por conseguinte, aceder a todas as suas informações. Desta forma será possível aceder aos dados dos utilizadores, processo cujas etapas não foram reveladas ao público. A empresa refere apenas que é capaz de o fazer mas que tal tem um custo.

Apple iPhone iOS DriveSavers
O dispositivo da empresa que afirma ser capaz de desbloquear os terminais iOS

Em primeiro lugar, os seus serviços custam um total de 3900 dólares, cerca de 3500 euros para aceder aos dados do Apple iPhone em questão. Mais concretamente, o serviço Passcode Lockout Data Recovery como cita o Pplware, a ferramenta que "quebra" a segurança do iPhone.

Em troca da referida quantia, os consumidores podem receber os dados do Apple iPhone em questão num disco externo. Em suma, o serviço fornece a possibilidade de recuperação das informações guardadas num dispositivo iOS.

O serviço está apenas disponível para entidades privadas

Todavia, a DriveSavers afirma que este serviço estará apenas disponível para entidades privadas, para os consumidores e não para as forças policiais. Mais ainda, quem quiser recorrer a este serviço terá que provar a posso do Apple iPhone em questão.

Por conseguinte, a menos que sejas do dono do Apple iPhone em questão ou seu herdeiro nas situações de falecimento do mesmo, só aí é que poderás lançar mão dos seus préstimos. A empresa deixa bem claro este ponto.

Em suma, a empresa acaba por barrar o Passcode Lockout Data Recovery das forças policiais. Resta agora saber como reagirá a Apple perante este novo software e solução que afirma conseguir quebrar as suas medidas de segurança.

Em jeito de conclusão cumpre ainda ser dito que este serviço da DriveSavers também está disponível para outras plataformas. Por conseguinte, está disponível para o sistema Android, a plataforma Windows bem como o sistema da BlackBerry.

Veja-se aqui o comunicado à imprensa completo.

Editores 4gnews recomendam:

RAM: dicas para comprar memória com a quantidade certa

Huawei Nova 4: Imagem revela smartphone com buraco no ecrã

Google Chrome resolverá um dos seus problemas mais irritantes

Fonte | via 1, via 2,

Rui Bacelar
Rui Bacelar
Quando não está a escrever um artigo ou a gravar algum vídeo, o Bacelar tem por hábito saborear um bom livro, descobrir novas bandas sonoras ou simplesmente desfrutar do sol, na companhia de quem mais gosta (MM).