Apple: Já há datas para o iPhone com conexão 5G

Filipe Alves

A Apple está a preparar o seu iPhone com conexão 5G. Tal como as outras fabricantes, a empresa de Cupertino não quer ficar atrás da nova tendência de conexão.

O 5G não só será mais rápido e eficiente, como também fará com que mais equipamentos se consigam conectar entre si. Para saberes mais sobre o 5G dá uma vista de olhos OnePlus 6T: Marca explica todos os compromissos do novo smartphone

Quanto à Apple, não esperes que a empresa americana vá a correr para nos dar a tecnologia. A Apple já provou várias vezes que não quer ser a primeira em nada. Simplesmente quer trazer as novas tecnologias quando considera oportuno, seja a nível de qualidade ou a nível financeiro.

Apple não tem pressa em trazer a conexão 5G para o iPhone

Assim sendo, novas informações referem que o iPhone com 5G não sairá para o ano. De acordo com as informações, a empresa de Cupertino está a trabalhar com a Intel de forma a oferecer a tecnologia nos iPhone de 2020.

Aparentemente a Apple já está a testar o chip 5G 8060 da Intel, porém, problemas com a dissipação de calor estão a fazer o processo de integração no iPhone bem mais complicado do que o esperado.

As mesmas fontes referem que a Apple está "insatisfeita" com o trabalho da Intel e que se a empresa não conseguir resolver o problema na versão 8161 no próximo ano que a empresa de Cupertino olhará para a MediaTek como solução.

Estranho a Apple não olhar para a Qualcomm certo? Lembra-te que a empresa de Tim Cook e a Qualcomm não têm estado nos melhores termos depois da alegação que a Apple deve uns bons milhões à Qualcomm.

Assim sendo, não esperes que o próximo iPhone seja o portador da conexão 5G. Como tem sido habitual, a Apple demorará o seu tempo para a integração das novas tecnologias.

Editores 4gnews recomendam:

Samsung. Smartphone dobrável poderá chegar às lojas no 2ª trimestre 2019

OnePlus entra para os recordes do Guinness pela mais banal das razões

Via

Filipe Alves
Filipe Alves
Fundador do projeto 4gnews e desde cedo apaixonado pela tecnologia. A trabalhar na área desde 2009 com passagens pela MEO, Fnac e CarphoneWarehouse (UK). Foi aí que ganhou a experiência que necessitava para entender as necessidades tecnológicas dos utilizadores.